Cassilândia, Terça-feira, 23 de Maio de 2017

Últimas Notícias

15/08/2005 06:57

Combatea exploração sexual infanto-juvenil começa hoje

Agência Brasil

Diagnóstico do governo federal identifica mais de 900 cidades brasileiras com prática de exploração sexual comercial infanto-juvenil. A polícia rodoviária federal também fez um mapeamento e identificou 844 pontos de risco para crianças e adolescentes nas rodovias federais do país. E, só nos últimos sete meses, o disque-denúncia, da secretaria de direitos humanos, recebeu mais de 10 mil denúncias de violência sexual contra criancas e adolescentes no país.

Por isso, começa hoje a Campanha Nacional de Combate a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Serão distribuídos panfletos e cartazes nas estradas e vias de transporte de todo o país. O objetivo é alertar a população sobre a prática desse crime, que segundo o ministério da Justiça, tem pena que varia de um a 25 anos e pena máxima quando há morte da vítima.

"Proteja como se fosse sua filha" é o slogan da campanha que quer incentivar caminhoneiros e outros profissionais de transporte a denunciar situações de violência sexual e de abuso contra crianças e adolescentes nas estradas brasileiras.

A secretaria de direitos humanos quer que todo cidadão informe às autoridades sobre esse tipo de crime pelo disque-denúncia (0800 99 0500), um serviço gratuito, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 22h e garante sigilo total ao denunciante.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 23 de Maio de 2017
Segunda, 22 de Maio de 2017
21:25
Loteria
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)