Cassilândia, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

30/04/2005 08:23

Combate a tuberculose tem 6 cidades prioritárias em MS

Marina Miranda / Campo Grande News

Em Mato Grosso do Sul, apenas seis cidades recebem recurso extra para o controle da tuberculose. Segundo dados do Ministério da Saúde, desde 2003 um novo programa de combate à tuberculose vem sendo implantando no Brasil e a meta é que ele atinja todos os municípios do País até o final de 2007.
No primeiro ano do PNCT (Programa Nacional de Controle da Tuberculose), apenas Campo Grande era considerada prioritária e recebeu R$ 151,4 mil. Com a revisão do programa, foram incluídos outros cinco municípios: Três Lagoas, que teve aporte extra no início do ano de R$ 7,8 mil, Amambaí e Aquidauana, que receberam este ano R$ 3,9 mil cada. Corumbá (R$ 23,3 mil) e Dourados (R$ 14,5 mil) começaram a receber verba a partir de 2004.
O repasse de recurso extra visa intensificar as ações de vigilância epidemiológica e de controle da tuberculose, incluindo a capacitação de recursos humanos, transporte de pacientes e expansão do tratamento supervisionado.
Estes municípios também recebem, mensalmente, o teto financeiro para controle de endemias. Amambaí obtém R$ 6,7 mil; Aquidauana, R$ 10,6 mil; Campo Grande, R$ 184,1 mil; Corumbá, R$ 30,2 mil; Dourados, R$ 38,5 mil e Três Lagoas, R$ 18,2 mil.
Na quarta-feira, o Ministério da Saúde firmou termo de cooperação com o Sistema S (Sesc, Sesi, Senai) que vai permitir serviço ações de diagnóstico e tratamento da tuberculose para seus associados. São cerca de 1,5 milhão de trabalhadores e mais seis milhões de familiares em todo Brasil. “Eles também vão inserir informações nas aulas de educação de adultos e analfabetos, no dia de ação global e preparar material educativo para distribuição geral”, afirma o coordenador do Programa Nacional de Controle da Tuberculose do Ministério da Saúde, Joseney Santos, que esteve na capital participando de oficina sobre o PNCT.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 22 de Setembro de 2017
Quinta, 21 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)