Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/09/2010 10:24

Com 1,63 filho por mulher, Rio de Janeiro tem menor taxa de fecundidade do país

Vitor Abdala, Agência Brasil

Rio de Janeiro - O Rio de Janeiro é o estado com a menor taxa de fecundidade do Brasil, com 1,63 filho por cada mulher, segundo a Síntese de Indicadores Sociais 2009, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada hoje (17). A taxa média do país é de 1,94 filho por mulher.

A advogada carioca Michelly Antony, de 29 anos, não tem filhos. Casada há quatro anos, ela só pensa em engravidar depois que conseguir um emprego estável. “Decidi não ter nenhum filho por enquanto, em função da minha busca pela realização profissional. Quero me dedicar à carreira primeiro. Estou estudando para concurso e quando estiver em um cargo público, poderei cuidar melhor do meu filho, até mesmo em termos materiais para proporcionar melhores condições à criança, para colocá-la num bom colégio, num curso de inglês, numa escolinha de futebol”, disse.

Michelly quer ser mãe aos 30, mas ainda não sabe se terá um ou dois filhos. Mesmo que opte por dois, a advogada já terá menos filhos do que sua mãe, que teve três. A mudança do padrão entre gerações é refletida na redução da taxa de fecundidade da mulher brasileira ao longo dos anos. Em 2000, a taxa média nacional era de 2,39 filhos por mulher. Hoje é de 1,94.

Michelly acredita que a redução da taxa de fecundidade no Brasil se deve a uma mudança nas prioridades de vida das gerações mais novas. “Acho que as pessoas da minha geração pensam primeiro em sua conquista individual. Elas pensam primeiro em sua realização como pessoa e como profissional e depois pensam na família, nos filhos”, afirmou.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)