Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

07/10/2004 15:02

CNT e Polícia Federal lançam disque-denúncia

Marcia Wonghon /ABr

A Polícia Federal e a Confederação Nacional do Transporte (CNT) lançaram hoje o disque-denúncia para receber informações sobre roubo e desvio de cargas nas rodovias do país.

Em parceria com a Associação Brasileira de Caminhoneiros, foi lançada também a campanha "Caminhoneiros do Bem". A idéia é instalar no país uma rede de cooperação entre bancos, empresários, seguradoras e empresas de transporte para reprimir esse tipo de crime e combater a lavagem de dinheiro.

As empresas brasileiras tiveram no ano passado prejuízo de R$ 575 milhões com o roubo de cargas. Os dados da Federação Nacional das Empresas de Seguro Privado indicam ainda que, em 2003, 83,77% dos roubos aconteceram nas estradas de São Paulo e Rio de Janeiro.

De acordo com o diretor de combate ao crime organizado da Polícia Federal, Getúlio Bezerra, o roubo de cargas envolve assaltantes, receptores, comerciantes e apoiadores que armazenam as mercadorias. Segundo ele, as cargas preferidas são alimentos, eletrônicos e medicamentos.

Getúlio Bezerra informa ainda que as áreas de maior risco para o roubo de cargas são o Sudeste, por causa da grande concentração de produção industrial, o Nordeste, em função da precariedade da malha viária e o Centro-Oeste, principalmente nas regiões de fronteira.

Segundo dados da Comissão Parlamentar de Inquérito sobre Roubo de Cargas do Congresso Nacional, o transporte de cargas no Brasil envolve 40 mil empresas, gera 3 milhões de empregos e movimenta R$ 25 bilhões por ano.

O número do disque-denúncia é 08007731122.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)