Cassilândia, Segunda-feira, 24 de Fevereiro de 2020

Últimas Notícias

16/01/2020 15:30

Clima bom e preço 8% maior favorecem desempenho da soja no Estado

Campo Grande News

Com previsão de preços até 8% maiores, clima favorável e previsão de mais chuvas nas próximas semanas, a soja deverá render 9,9 milhões de toneladas nesta safra. A produtividade média deve manter-se em 52,19 sacas por hectare ou 12,5% maior que no ano passado. Os dados são do Boletim de Agricultura, divulgado hoje pelo Sistema Famasul, que vem mantendo as previsões de um bom desempenho do grão no Estado.

O levantamento que foi feito na segunda semana do mês de janeiro e ouviu empresas de assistência técnica, produtores rurais, sindicatos rurais e empresas privadas dos principais municípios produtores de soja do Mato Grosso do Sul. As principais informações levantadas referem-se à fenologia da cultura; incidência de plantas daninhas, pragas e doenças; situação da lavoura; clima; entre outras.

O período foi marcado por uma irregularidade de chuvas no Estado, segundo o boletim. Já a incidência de pragas e doenças manteve-se dentro da normalidade. A previsão do tempo para a terceira semana de janeiro prevê maior regularidade nas chuvas, portanto, o clima mantém-se favorável ao desenvolvimento da cultura.

Para a soja safra 2019/2020, estima-se uma área plantada de 3,163 milhões de hectares. Em comparação aos dados da safra anterior (2018/2019), a previsão é de alta de área plantada em aproximadamente 6,18%.

Custos - O preço médio da saca de 60 Kg, em MS, encerrou no mês de dezembro cotado a R$ 80,29. O preço médio do mês de dezembro no comparativo com o mesmo período do ano aponta um reajuste de 8,18% nos valores. No final de 2018, a saca de soja custava em média, R$ 74,22. As cotações no mercado se mantiveram estáveis mesmo com as desvalorizações da moeda americana no mês de dezembro, pois em contrapartida houve valorização nos contratos futuros na bolsa de Chicago.

Exportações - Em dezembro de 2019, Mato Grosso do Sul exportou 35 mil toneladas de soja em grãos, retração de 70,23% em relação a 2018. De janeiro a dezembro de 2019, as receitas totalizaram US$ 1,12 bilhão, retração de 45,30% em relação ao mesmo período em 2018. O Mato Grosso do Sul exportou de janeiro a dezembro de 2019 cerca de 3,21 milhões de toneladas, retração de 38,2% em relação ao mesmo período em 2018.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 24 de Fevereiro de 2020
Domingo, 23 de Fevereiro de 2020
10:00
Receita do Dia
07:36
Chapadão do Sul
Sábado, 22 de Fevereiro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)