Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

20/12/2004 14:21

Cheques: inadimplência cai em novembro

Marli Moreira / ABr

Os brasileiros tiveram menos dificuldades em quitar dívidas pagas com cheques, em novembro, na comparação com outubro, mas a inadimplência cresceu quando se compara o resultado com o mês de novembro do ano passado: a soma dos valores de cheques sem fundos ficou 11,5% menor do que no mês anterior e 3,6% acima do montante registrado nas operações de novembro de 2003.

Do total de emissões, apenas 2,36% eram de clientes que não deixaram a provisão necessária para a quitação dos débitos, índice que ficou em 2,67%, no mês anterior. Em igual período do ano passado, esse índice teve variação de 2,28%.

Os dados são da pesquisa mensal da empresa Telecheque, que mede a oscilação da inadimplência levando em consideração o volume financeiro e não a quantidade de cheques devolvidos. Esse recuo já era esperado porque, em outubro, houve uma elevação atípica causada pela greve dos bancários, explica o vice-presidente da Telecheque, José Antônio Praxedes Neto, por meio de sua assessoria de imprensa.

A previsão dele é de que continuará ocorrendo queda, neste mês de dezembro. Para janeiro, estima que a inadimplência voltará a crescer, em torno de 12%, por conta das compras feitas por impulso na temporada de Natal.

A pesquisa mostra que 67,6% dos cheques devolvidos por falta de fundos referiam-se a pagamentos pré-datados e 32,4% à vista. O índice de cheques honrados atingiu 97,05% e o de cheques roubados, 0,59%.

Com exceção do Rio Grande do Sul, todos os estados brasileiros registraram queda na inadimplência. Os menores índices foram constatados em Santa Catarina, Goiás, Paraná, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Já os maiores, foram verificados nos Estados da Paraíba, Amazonas e Bahia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)