Cassilândia, Segunda-feira, 15 de Julho de 2019

Últimas Notícias

14/02/2019 10:40

Cheia de rio provoca invasão de cobras em cidade de Mato Grosso do Sul

Campo Grande News
Jararaca capturada dentro de sala de aula (Foto: Divulgação/ PMA)Jararaca capturada dentro de sala de aula (Foto: Divulgação/ PMA)

Em 13 dias, a Polícia Militar Ambiental capturou seis cobras em casas e prédios públicos de Coxim – a 260 km da Capital. A invasão destes animais está diretamente ligada ao períoso de cheia dos rios, onde para escapar da água acabam invadindo a área urbana, explica o biólogo e tenente coronel da PMA, Edmilson Paulino Queiroz.

O caso mais recente ocorreu na terça-feira (12) à noite dentro de sala de aula em escola da zona rural no município. O responsável pela escola chamou a PMA, quando viu uma cobra em carteira de uma sala de aula.

A serpente era uma Jararaca e foi colocada em uma caixa de contenção e, como não apresentava ferimentos, foi solta no seu habitat natural.

“Elas acabam deixando seu habitat devido a cheia do rio e entram no perímetro urbano. A principal orientação é não mexer ou mesmo tentar capturar o animal. Se estiver no quintal a cobra vai acabar naturalmente saindo. Caso isso não ocorra, o morador deve chamar a PMA ou Corpo de bombeiros”, explica Queiroz.

Outros casos - No dia 31, duas serpentes peçonhentas do gênero Bothrops (Jararaca), de duas espécies diferentes, uma delas conhecida como boca-de-sapo, tinham sido capturadas. Elas estavam embaixo de uma máquina de lavar na área de serviço de uma residência na cidade.

No dia 4 de fevereiro, os militares capturaram outra jararaca. No último dia 7, uma serpente da espécie caninana (Spilotes pullatus) foi capturada em uma chácara no perímetro urbano. O proprietário viu o animal no madeiramento do telhado de sua residência. Todas as serpentes capturadas foram soltas no seu habitat natural.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 15 de Julho de 2019
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Domingo, 14 de Julho de 2019
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)