Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/10/2007 15:48

Chefe do Dsei é reconduzido ao cargo no MT

Funasa

Com relação às informações sobre a exoneração do chefe do Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei), Jamir Alves Ferreira, anunciada na semana passada, a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) informa que:



Depois de uma negociação entre a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e as principais lideranças integrantes do Conselho Distrital de Saúde Indígena (Condisi) da região, o servidor da Funasa, Jamir Alves Ferreira, foi reconduzido ao cargo de Chefe do Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) do Xingu. A portaria com a decisão da Presidência da Funasa foi assinada nesta segunda-feira.

A crise teve início quando, na quinta-feira passada (25/10), os índios das tribos do Xingu - com quem Jamir mantém ótimo relacionamento -, detiveram oito funcionários da Funasa. O líder indígena Marcelo Camaiurá, explicou que a intenção era fazer os funcionários participarem de uma assembléia, onde estava sendo discutida a exoneração de Jamir. No encontro, foi redigida uma carta aberta, assinadas pelas principais lideranças xinguanas integrantes do Condisi, onde os líderes destacam:

"Ficamos tristes ao receber a notícia desta exoneração, porque o Sr. Jamir sempre se mostrou sensível às demandas de nossas comunidades. O Sr. Jamir, além de experiente no trabalho, já conhece nossa realidade há muitos anos, tendo trabalhado aqui muito tempo atrás, em campanhas de combate à malária, e tendo percorrido e conhecendo cada uma de nossas aldeias, sendo respeitado pelas comunidades".

Na carta, os índios destacaram, ainda, que a decisão de exonerar Jamir não lhes havia sido comunicada antecipadamente. Diante dos argumentos das lideranças, Jamir foi reconduzido ao cargo pela Funasa.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)