Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

25/10/2007 14:02

Chapadão do Sul cresceu 39% desde o último censo

Na oportunidade o coordenador do IBGE, José Tiago Leal, distribuiu os números do Censo Populacional em Mato Grosso do Sul e os números da estimativa feita no ano passado.

Chapadão do Sul fechou com 16.194 habitantes, 39% a mais que em 2.000, quando o IBGE apurou 11.658 habitantes. A estimativa de 2006 era para 16.102.

Surpresa ficou por conta de Sidrolândia. Para uma expectativa de 29.298 em 2006, chegou a 38.139, 30% a mais que o esperado pelo IBGE no ano passado. É a 10ª cidade do estado.

Salto maior, entretanto, deu Alcinópolis, no norte do estado. De uma estimativa de 1.873 habitantes, fechou em 130% a mais, com 4.299.

Muitos municípios não atingiram a estimativa do ano anterior, como Água Clara, Campo Grande, Camapuã, Cassilândia, Corumbá, Coxim, Dourados, Inocência, Jardim, Laguna Carapã, Miranda, Paranaíba e Três Lagoas.

Dez maiores cidades do estado:

1ª – Campo Grande – 724.638;
2ª – Dourados – 182.747;
3ª – Corumbá – 96.343;
4ª – Três Lagoas – 85.376;
5ª – Ponta Por㠖 72.206;
6ª – Aquidauana – 44.904;
7ª – Nova Andradina – 43.508;
8ª – Naviraí – 43.404;
9ª – Paranaíba – 38.692;
10ª – Sidrolândia – 38.139.

Participaram da reunião Adriano Franco (Sindicato Rural), Eduardo Belotti (Câmara de Vereadores), Flaviane Campos (Secr. de Governo), Jovanes Nilton Machado (Secr. Obras), Marcelo Lacerda Flores (Assessoria de Imprensa), Fernandes dos Santos (Jovem Sul News), Reinaldo Rodrigues dos Santos (AGRAER, Agência de Desenvolvimento Rural) e Carlos Afonso Magalhães Galindo (Secr. de Governo).

Também passou pela sala de reuniões o prefeito Jocelito Krug. Manifestou-se inconformado com os números do censo. Pretende entrar com recurso junto ao IBGE dentro do prazo previsto para essa providência, que termina nesta sexta-feira, 26 de outubro.

Carlos Galindo fez um relato do esforço da prefeitura para se chegar a uma contagem fiel da população de Chapadão do Sul.

Começou o censo com 30 dias de atraso por falta de interessados no concurso que selecionou os recenseadores.

Veio uma primeira equipe de Costa Rica. Depois de duas semanas foi substituída por um pessoal de Coxim.

Percebendo que o trabalho não ia bem, resolveu a Prefeitura dar maior apoio para a elaboração do Censo. Mobilizou 10 agentes para repassar o serviço. Depois do “pente fino” feito em duas semanas, de número acima de 200 imóveis, somente em 22 não foi possível cadastrar os seus moradores.

Na zona rural trabalho semelhante também se realizou.

Acredita Carlos Galindo que houve um encolhimento da população nos últimos três anos por conta da crise agropecuária. Constatou-se 13% dos imóveis vagos, isto é, sem morador, em Chapadão do Sul e muitos pontos comerciais fechados.

Pesa também na distorção provável dos números do IBGE a população flutuante de Chapadão do Sul, pessoas que trabalham, moram na cidade e nas fazendas, mas que continuam com vínculos familiares no município de origem e até em outros estados.

Estima-se esse contingente entre 2 a 3 mil habitantes não catalogados pelo Censo.

Se o IBGE acolher o recurso a ser feito pelo prefeito municipal, nova contagem deverá ser realizada em Chapadão do Sul.

Fonte: jovemsulnews (Fernandes dos Santos)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)