Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

12/05/2007 09:48

Celular está bloqueado próximo a presídios de 4 cidades

Marta Ferreira/Campo Grande News

A Acel (Associação Nacional das Operadoras Celulares) comunicou neste sábado, em nome das Associadas Brasil Telecom, Claro, TIM e Vivo, que atuam em Mato Grosso do Sul, que já colocou em prática o bloqueio do serviço de telefonia celular nos arredores de presídios em Campo Grande e mais três municípios.
Segundo o comunicado, a medida é em atendimento às decisões judiciais deeterminando o bloqueio por 15 dias, a pedido da Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Mato Grosso do Sul.

Há decisões nesse sentido envolvendo o complexo penitenciário de Campo Grande, na saída para Três Lagoas, onde ficam Estabelecimento Penal de Segurança Máxima, o Presídio de Trânsito, o Instituto Penal e o Centro de Triagem de Campo Grande; em Naviraí, na área da Penitenciária de Segurança Máxima e dp 1º Distrito Policial da cidade; em Corumbá, nos estabelecimentos penais masculino e feminino; e em Três Lagoas, na Penitenciária de Segurança Média localizada no município.

Em todas as decisões, a Justiça determinou o bloqueio para impedir a comunicação de presos com o exterior, e entre eles mesmos, atendendo aos pedidos das autoridades de segurança baseada no argumento havia riscos de ocorrência de rebeliões nos presídios. A preocupação se dá em razão da suspeita de que os detentos possam tentar repetir o que ocorreu um ano atrás, quando integrantes de facções criminosas foram responsáveis por motins em Campo Grande, Três Lagoas, Corumbá e Dourados, e atentados no Estado de São Paulo, que deixaram mais de cem mortos.

No comunicado, a Acel esclarece que, “em razão do cumprimento das mencionadas ordens judiciais, haverá prejuízos à comunicação por telefones celulares nas regiões dos estabelecimentos penais indicados”. Hoje cedo, já houve telefonemas ao Campo Grande News de pessoas indagando sobre o não funcionamento de celulares na região do complexo penitenciário.

A divulgação do comunicado, ainda conforme a Acel, atende às exigências do Código de Defesa do Consumidor, da Anatel e às determinações da Lei Geral de Telecomunicações.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)