Cassilândia, Sexta-feira, 18 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

09/10/2003 15:16

Celso Amorim é apontado como lider do "mundo pobre"

Lídia Porto/Agência Brasil

Na reportagem “A última palavra: Celso Amorim – liderando o mundo pobre” publicada essa semana pela revista norte-americana Newsweek, o chanceler brasileiro é apontado como uma das mais importantes lideranças nas disputadas negociações internacionais. Destacando o papel de Amorim durante a última rodada da Organização Mundial do Comércio (OMC), que aconteceu em Cancún no mês passado, a entrevista abre espaço para o ministro das Relações Internacionais brasileiro dar sua posição sobre o polêmico fracasso da rodada.

“A batalha em Cancún tem muitos autores, mas muita fúria recaiu sobre o Brasil, que organizou um bloco de 22 países em desenvolvimento que exigiram dos fazendeiros do Ocidente o fim de subsídios, antes de continuar discutindo outras questões”, explica a matéria a posição brasileira durante o envento que foi alvo de duras críticas por parte de Robert Zoellick, chefe de Negócios dos Estados Unidos.

Segundo a revista, Amorim é um dos diplomatas mais experientes da América Latina que acredita no comércio e na sua liberalização como instrumentos para mudança social. “O comércio é um instrumento não só para criar riqueza, mas também para distribuí-la.”, disse o ministro ao seu entrevistador.

Ele também se defendeu das acusações de que o Brasil teria sido um dos grandes responsáveis pelo o fracasso da rodada de Cancún dizendo que não adianta fazer política unilateral. “Numa guerra comercial, todos acabam perdendo”, afirmou.

Para Newsweek, o Amorim voltou ao Brasil como um herói. “A delegação brasileira decidiu que ganhos limitados não valiam a pena. Apesar da resistência inicial, fomos tratados como um partido negociante legítimo, e não um grupinho de países no canto gritando e criando obstáculos”, argumentou o ministro.

O chanceler ainda defendeu a criação do G22, como um “ato de coragem, um mecanismo para ouvir e respeitar todos os países, inclusive os menores”, e reiterou a importância da reforma da do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas. Para ele é imprescindível a inclusão em desenvolvimento no conselho.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 18 de Setembro de 2020
Quinta, 17 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Quarta, 16 de Setembro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)