Cassilândia, Sexta-feira, 24 de Março de 2017

Últimas Notícias

25/10/2007 15:13

CCJ aprova prazo menor para conciliação judicial

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou, na terça-feira (23), o Projeto de Lei 7499/02, da Comissão de Legislação Participativa, que permite a antecipação da audiência de conciliação judicial. O objetivo é agilizar a solução de processos na Justiça.

Pelo Código de Processo Civil (Lei 5.869/73), o prazo mínimo para que a conciliação seja realizada é de 30 dias. A proposta elimina essa exigência e permite que a audiência seja feita de imediato, logo após a comunicação oficial às partes.

Treinamento
O relator da matéria na CCJ, deputado Maurício Rands (PT-PE), destacou que o projeto "vai ao encontro da criação e sustento de meios alternativos de solução de conflitos no âmbito do Poder Judiciário".

Entretanto, o relator apresentou emenda para acrescentar ao texto a exigência de que os conciliadores auxiliares sejam treinados para conduzir as audiências. Conforme a emenda, os cursos deverão ser promovidos ou certificados pelo Poder Judiciário.

Auxiliar conciliador
O texto original permite que a conciliação seja delegada aos servidores serventuários (auxiliares) da Justiça, mas não exige qualificação técnica especial. Para o relator, "a formação insuficiente dos conciliadores pode impedir o êxito da proposta". A conciliação, de acordo com o projeto, deve ser homologada por um juiz.

A proposta foi apresentada à Comissão de Legislação Participativa pelo Conselho Administrativo Municipal de Grupiara (CAM), de Minas Gerais. Para a entidade, a aprovação do projeto contribuirá para agilizar a solução dos processos judiciais, com benefícios para o cidadão e para o próprio Poder Judiciário.




Agência Câmara

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 24 de Março de 2017
Quinta, 23 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 22 de Março de 2017
21:53
Cassilândia
20:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)