Cassilândia, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

Últimas Notícias

11/06/2015 16:03

CBF muda esquema de sucessão e Assembleia aprova única reeleição

Gazeta Esportiva

Nesta quinta-feira, a CBF reuniu uma Assembleia extraordinária no Rio de Janeiro para discutir o sistema de reeleição da entidade e as medidas ligadas a MP do futebol, que propõe uma maior autonomia aos clubes. Garantindo a liberdade do comando técnico aos clubes, o vice-presidente da entidade relevou que, a partir desta tarde, todos os dirigentes do futebol brasileiro só tem direito a uma reeleição.

Marcus Vicente, vice da CBF, disse que o novo estatuto já está valendo, e que todas as Federações devem se adequar o mais rápido possível a nova cartilha da entidade. Ao falar sobre Marco Polo Del Nero, que substituiu José Maria Marin em abril e já foi alvo de diversos pedidos de renúncia após o escândalo de corrupção na Fifa, o dirigente disse que poderá concorrer a reeleição uma única vez.

“Ele só pode ter direito a mais uma reeleição a partir de hoje, quando a decisão foi tomada pela Assembleia Geral. Isso também vale para as Federações Estaduais. Todos terão direito a penas uma reeleição, e o estatuto já está valendo”, disse Vicente, convencido de que esta é uma forma de impedir a perpetuação e a concentração do poder, posta em prática em diversos âmbitos dos bastidores do futebol.

Apesar dos boatos sobre a participação de Del Nero nas negociações fraudulentas comandadas por Marin, fato que já foi negado pelo próprio presidente, o vice Marcus Vicente deixou claro seu apoio. “Marco Polo está firme no comando do futebol brasileiro. Acreditamos nele e demos esse voto de confiança porque ele merece, ele conquistou essa posição mediante uma estrutura eleitoral democrática que contou com o voto da maior parte das federações”, esclareceu.

Além de conceder maior autonomia aos clubes na organização dos campeonatos, o que adia – pelo menos por enquanto – a especulada criação das ligas, a CBF resolveu manter o esquema de sucessão na presidência. Caso o atual presidente tenha que deixar o cargo no fim do mandato, quem o substituirá será o vice mais velho, no caso, Delfim Peixoto, presidente da Federação Catarinense e autor da petição para o prédio da entidade se chamar José Maria Marin.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 30 de Março de 2017
Quarta, 29 de Março de 2017
20:34
Loteria
Terça, 28 de Março de 2017
21:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)