Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

02/10/2005 07:53

CBF está pronta para acatar decisão do STJD, diz Ricardo

CBF News

Na entrevista que concedeu à imprensa , na sede da CBF, em que anunciou oficialmente a saída de Armando Marques da presidência da Comissão Nacional de Arbitragem - o ex-árbitro Edson Rezende de Oliveira assumirá interinamente - o presidente Ricardo Teixeira deixou bem clara a posição da CBF em relação à possível anulação dos 11 jogos do Campeonato Brasileiro que tiveram a participação do juiz Edílson Pereira de Carvalho na manipulação dos seus resultados - a entidade já tem as datas fixadas para a realização dos jogos.

- A CBF está preparada para acatar a decisão do STJD. Assim que forem definidos os jogos anulados, vamos divulgar a tabela com as datas e os horários das partidas - afirmou o presidente da CBF.

O presidente Ricardo Texeira anunciou ainda que as partidas serão disputadas com portões abertos e terão transmissão por TV aberta, para que não ocorra prejuízo algum para o torcedor.

- O importante é que o Campeonato Brasileiro prosseguirá normalmente até o dia 4 de dezembro, quando será realizada a última rodada.

Ressaltando que o Campeonato Brasileiro de 2005 vem sendo um sucesso de interesse esportivo, com média de público superior à do ano passado, o presidente Ricardo Teixeira ratificou a decisão anunciada na primeira hora pela CBF, de assegurar a credibilidade e a lisura da competição.

- O Campeonato não foi paralisado, quem tiver de ser rebaixado, será, e quem tiver de subir da Série B para Série A em 2005, subirá - assegurou o presidente, acrescentando.

- A reação do público mostra bem como a credibilidade do Brasileiro não foi afetada. Apesar da denúncia desse fato grave, o comparecimento do torcedor aos jogos nessa última rodada foi expressivo.

O presidente da CBF fez questão de elogiar o trabalho desenvolvido pelo Ministério Público Federal e pela Polícia Federal, em São Paulo, considerando-o fundamental para que os fatos fossem rigorosamente apurados e trazidos a público.

- Foi um belo trabalho, na parte jurídica e na esfera policial, sem o qual não se teria conseguido descobrir esse episódio grave.

Na esfera esportiva, de parte da CBF, o presidente Ricardo Teixeira lembra que a ação da entidade foi imediata, algumas horas depois de a notícia da manipulação de resultados do Campeonato Brasileiro ter sido veiculada.

- Logo na primeira hora da madrugada de sábado, afastei os dois árbitros do Quadro Nacional. Em seguida, pedi o afastamento do Edílson Pereira de Carvalho dos Quadros da Conmebol e da Fifa - disse o presidente.

Essas medidas foram as que se revelaram cabíveis no momento. O presidente Ricardo Teixeira continuou trabalhando no sentido de tomar as providências que se fazem necessárias, entre as quais um estudo para a reformulação da Comissão de Arbitragem, que já vinha sendo elaborado em parceria com a Fundação Getúlio Vargas. Ele tem o objetivo de capacitar adequadamente os árbitros que fazem parte do Quadro Nacional e será conduzido pelo novo presidente da Comissão de Arbitragem, cujo nome será anunciado o mais rapidamente possível.

- Esse trabalho já vinha sendo desenvolvido com a Fundação Getúlio Vargas, é anterior a esses fatos. O objetivo é tornar os árbitros mais bem preparados, até mesmo no aspecto físico e mental, vamos tentar melhorar acentuadamente o nível da nossa arbitragem.

Caberá ainda ao novo presidente da Comissão de Arbitragem pôr em prática outras medidas que o presidente Ricardo Teixeira considera importantes para tentar, de maneira preventiva, diminuir a possibilidade de fatos graves envolvendo árbitros voltarem a ocorrer.

- Acho importante a realização de reuniões semanais e um maior controle na feitura das escalas de arbitragem. Vamos rever alguns conceitos para tentar evitar que fatos dessa ordem voltem a se repetir.

Sobre a saída de Armando Marques, o presidente da CBF explicou tratar-se de uma iniciativa do próprio, que se sentiu desgastado com o episódio da manipulação de resultados do Campeonato Brasileiro, que teve a participação assumida dos árbitros Edílson Pereira de Carvalho e Paulo José Danelon.

- O Armando Marques achou melhor sair, em razão desse lamentável episódio. Em seu lugar, assume interinamente o Edson Rezende, que já conhece a estrutura da Comissão por ter ocupado o cargo anteriormente, entre janeiro e abril de 2002.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)