Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/07/2011 16:07

Cassilândia: Subseção se reúne com Presidente do TJ/MS

OAB
A reunião aconteceu no TJ/MSA reunião aconteceu no TJ/MS

A Subseção de Cassilândia juntamente com a Seccional Mato Grosso do Sul se reuniu nesta quarta-feira, 6 de julho, com o presidente do Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul (TJ/MS), Luiz Carlos Santini.

A OAB/MS foi representada pelo diretor tesoureiro André Xavier, e representando a Subseção a presidente, Tânia Mara de Freitas Rocha, o vice-presidente, Guilherme Colagiovanni Girotto, o secretário-geral, Aparecido Murilo de Souza e o tesoureiro, Walter José de Souza.

Durante a audiência a Subseção de Cassilândia pediu ao presidente do TJ/MS a solução para o problema da 1ª Vara.

Segundo a presidente da Subseção, Tânia Rocha, toda as Varas da Comarca, além do Juizado Especial e da Eleitoral estão a cargo do Juiz Titular da 2ª Vara, Dr Silvio Prado, fato que poderá gerar acúmulo de trabalho, dificultar o andamento dos processos e, consequentemente, prejudicar os jurisdicionados e o trabalho dos advogados de Cassilândia e região.

Tal entendimento é corroborado pelo Vice-Presidente da Subseção, Guilherme Girotto e pelos demais diretores, que afirma que a ausência de Juiz Titular na 1ª Vara da Comarca vem gerando ansiedade aos cidadãos e preocupação aos advogados.

O diretor tesoureiro da OAB/MS, André Xavier, manifestou a preocupação da Seccional com a falta de Juiz na 1ª Vara de Cassilândia e solicitou do Presidente do TJ uma solução para o caso.

Em resposta, o Desembargador Santini relatou que está ciente do problema da Comarca, bem como que vem estudando os números de distribuições de feitos e de julgamentos realizados pelo Juiz que está acumulando funções.

O Presidente do TJ destacou, ainda, que acaso seja verificada uma diminuição no número de julgamentos, não descarta a possibilidade de realizar um mutirão para julgamento dos processos da 1ª Vara, mas, afirma que o problema será solucionado.

Segundo André Xavier, “a audiência foi muito proveitosa, uma vez em que o desembargador comprometeu-se em estudar a situação da Comarca, e encontrar alternativas para que os jurisdicionados não tenham prejuízos com a falta de juiz”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)