Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/10/2009 08:02

Cassilândia: Recapturado mais um fugitivo do presídio

Fábio Oliveira Costa, acusado de ter matado o empresário Toninho Corte, ainda está foragidoDivulgaçãFábio Oliveira Costa, acusado de ter matado o empresário Toninho Corte, ainda está foragidoDivulgaçã

Dos três fugitivos do presídio de Cassilândia, foram recapturados dois, até agora, segundo o delegado Paulo Rosseto. O primeiro a ser recapturado foi Weigy Júnio da Silva. Agora foi a vez de Marcelo Benjamim da Cruz, vulgo Telinha. Falta encontrar Fábio Oliveira da Costa acusado de ter matado o empresário Toninho Corte.



Saiba mais sobre o assunto

Cassilândia: Preso um dos três fugitivos do presídio
Quarta-feira, 19 de Agosto de 2009 13:28


Weigy Júnio da Silva, que fugiu do presídio de Cassilândia no último dia 3 de agosto, foi recapturado ontem na cidade de Aparecida do Taboado. Ele fugiu em companhia de Marcelo Benjamim da Cruz, o Telinha, e Fábio Oliveira da Costa acusado de ter matado o empresário Toninho Corte.

Segundo o delegado Paulo Rossetto foi um policial militar de Cassilândia que descobriu a presença do fugitivo em Aparecida. Em trabalho conjunto, Polícia Civil, Militar e a Civil de Aparecida foi possível chegar a residência em que estava, levantada por outros policiais militares que se encontravam naquela. O comandante da PM Márcio Gago e ele agradeceram o emprego do delegado Lucio Carmo, de Aparecida, e seus agentes, que informados do fato efetuaram a prisão de imediato.

Rossetto lembrou mais uma vez do apoio recebido pelo Conselho de Segurança e Cidadania dos órgãos constituídos, bem como do Conselho de Cidadania e Segurança.

Weigy já foi recambiado para Cassilândia.




Cassilândia: A fuga dos presos
Terça-feira, 04 de Agosto de 2009 15:25

O agente Cunha, diretor do presídio de Cassilândia, disse hoje a reporter Isabel Nunes, da Rádio Patriarca, que acredita que o buraco foi feito pelos presos que fugiram na madrugada de ontem, no período noturno, horário que trabalham poucos funcionários. Confeccionaram uma corda artesanal conhecida por "Teresa" e jogaram por cima do muro. Segundo o agente, os policiais ficam de sentinela no outro lado do presídio e os fugitivos jogaram a corda atrás da caixa d'agua, local onde os policiais não têm visão.

Confirmou que o alarme tocou quandos presos subiram o muro. Ocorre que o alarme tem disparado outras vezes devido a folhas de coqueiros que batem na cerca que segura o fio do aparelho.

Segundo o delegado José Mansur, uma agente da civil que mora perto viu quando os presos estavam descendo, já na rua, acionou a polícia, mas apesar de todo o patrulhamento não foram recapturados.

Fugiram os seguintes detentos: MARCELO BENJAMIM DA CRUZ, VULGO TELINHA, FÁBIO OLIVEIRA DA COSTA E WEIGY JÚNIO DA SILVA. Fábio é acusado do assassinato do empresário Toninho Corte, que foi secretário das prefeituras de Cassilândia e Aporé (GO)




Cassilândia: Comandante da PM fala sobre fuga de presos
Quarta-feira, 05 de Agosto de 2009 16:30

Será aberto um Inquérito Policial Militar para apurar as causas da fuga de três presos em Cassilândia, disse hoje o comandante da PM local Capitão Márcio Gago. Entende que geralmente em fuga existem pessoas envolvidas. Pode ter sido aproveitada a falha por não ter policial na segunda torre e tentar justificar pela falta de estrutura, mas vamos investigar, prosseguiu.

O presídio de Cassilândia tem duas torres, mas desde a sua inauguração funciona apenas uma. Os PMs fazem a guarda na parte externa e a Agepen na parte interna.

Dentro do presídio existem câmeras , mas segundo o que se comenta falta pessoal para acompanhar o monitor as 24 horas. A fuga foi toda filmada e durou cerca de 40 minutos, segundo disse o Capitão Márcio.

Caso a torre tivesse um monitor, não haveria a fuga, enfatizou.

Ocorre, explica o policial, que os presos fizeram um buraco e correram até atráz da caixa de água, que é o único ponto cego de todo o presídio para o guarda que fica na torre. As câmeras filmam, mas o policial fica apenas com a visão do telhado.

Hoje, o presídio conta com 10 PMs e precisa de mais 10 para atender as duas torres.

O ALARME DISPAROU

O alarme instalado no muro disparou durante a fuga dos prisioneiros. O capitão Márcio explicou que somente dispara quando quebra o fio da cerca elétrica. O primeiro passou e não quebrou. O segundo quebrou. Rapidamente subiram os dois na “Tereza”, enquanto um quarto elemento voltou correndo para a cela.

Quando toca o alarme o policial não pode descer da guarita. Os que estão embaixo tem que correr para verificar se está ocorrendo fuga. Os PMs acionaram uma viatura que estava a trezentos metros do presídio, que foi a local, mas não conseguiu recapturar os fugitivos

Uma testemunha ouviu barulho de carro. Acredita que o o mineiro Fábio acusado de ter assassinado o empresário Toninho Corte teria fugiu de carro, e os outros dois fugiram à pé. Eles são de Paranaíba. Não descarta o capitão a possibilidade de ter havido contato de um dos fugitivos com alguém fora do presídio. Motivo do carro estar no local. Lembrou que no domingo houve visita

Ressaltou que toda a vez que a Polícia Militar faz revista no presídio encontra celulares.

Vai solicitar mais policiais para sanar as deficiências nas torres. Agora, deve subir um pouco mais o muro, atrás da caixa de água. Atualmente existem 108 presos, um pouco acima do limite, mas não pode ser considerado como excesso, comentou.

Notava-se uma certa irritação por parte do capitão, durante a entrevista que concedeu a Rádio Patriarca, porque a Polícia Militar e a Polícia Civil foram a Minas Gerais e trouxeram Fábio preso, num trabalho muito elogiado pela comunidade.

Fábio teve que ser submetido a uma cirurgia quando chegou e a PM tinha que levá-lo todos os dias para a fisioterapia. Após se curar, fugiu.


Fugiram os seguintes detentos: MARCELO BENJAMIM DA CRUZ, VULGO TELINHA, FÁBIO OLIVEIRA DA COSTA E WEIGY JÚNIO DA SILVA. Fábio é acusado do assassinato do empresário Toninho Corte, que foi secretário das prefeituras de Cassilândia e Aporé (GO)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)