Cassilândia, Domingo, 26 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

18/01/2012 18:58

Cassilândia: Leitor complementa informação sobre foto

Cassilândia NewsCassilândia News

Hermes Carlos, técnico em Agropecuária da UEMS Cassilândia, irmão do radialista César Ferreira, sugere o site
http://planetaterra2010.wordpress.com/page/33/ para que os leitores tomem conhecimento da luta para a preservação do pirarucu.


\"O esforço de pescadores, ambientalistas e voluntários está salvando um dos maiores peixes de água doce do mundo, ameaçado pela seca prolongada, em Mato Grosso. Uma imagem que entristece os moradores da região. O Rio Araguaia está com 63 centímetros. Dois metros abaixo no nível normal. \"Nos últimos dez anos, é a primeira vez que eu vejo o rio desse jeito\", conta o morador Arnou Martins. É grande a busca de alimento e de água – mas nem todos os animais conseguem sobreviver.

“Hoje nós temos 2 mil a 2,5 mil cabeças de gado que nós já perdemos por causa dessa seca prolongada e isso vem acarretando um prejuízo violento para os produtores”, lamenta Ronaldo Oliveira, vice-presidente da associação de produtores rurais. Quando baixa o nível dos rios os peixes vão para os lagos que se formam com a água represada para o acasalamento. Com a seca prolongada até estas áreas estão secando, o que significa uma ameaça para algumas espécies.

É o caso do pirarucu, um dos maiores peixes de água doce do mundo. Nos pontos mais críticos, ele fica encalhado nos bancos de areia. Pescadores, ambientalistas, produtores rurais e voluntários de outras instituições estão percorrendo os lagos para resgatar o pirarucu. Uma tarefa nada fácil por causa do peso e do tamanho do peixe.

Um deles tem 1m70, pesa quase 200 quilos. O pescador perde o equilíbrio. \"Muito difícil lidar com o pirarucu porque ele é liso e a arma para proteger a ele mesmo é a rabanada e a cabeçada\", afirma o pescador Matias Kaufmann.

Os peixes são levados para as áreas onde ainda há água. O transporte tem que ser feito rapidamente para não comprometer a operação. \"Tem que ter muito cuidado com eles. No caso a gente está envolvendo ele num cobertor, molhando para poder transportar de onde ele está pra cá. E tem que ser rápido se não corre o risco de perder o peixe\", alerta Eduardo Darci, coordenador da equipe.\"


Informações do Planeta Terra

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 26 de Fevereiro de 2017
Sábado, 25 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
07:30
Loterias
Sexta, 24 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)