Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

18/03/2010 16:47

Cassilândia: falta organização, segundo professor Paulo

Em entrevista concedida hoje no programa Rotativa no Ar da Rádio Patriarca, o professor Paulo Neres de Carvalho, membro do Conselho Municipal de Educação, disse que não via motivos justos por parte da Administração Municipal, que justificasse o atraso no pagamento dos vencimentos dos professores, que se deram apenas na manhã do dia 17 e não até o 5º dia útil do mês, como determina a legislação.

“Dinheiro tem; falta um pouco de organização. O dinheiro do FUNDEB que é repassado pelo Governo Federal ao município representa apenas 15% de um total de 25% do orçamento municipal que é o percentual mínimo que deve ser investido em educação, segundo a Lei de Responsabilidade Fiscal”, disse o professor Paulo.

“Já provamos para a Administração que só com o dinheiro do FUNDEB é possível pagar todos os professores e ainda sobrar dinheiro. No ano passado, por exemplo, via FUNDEB foi repassado ao município algo em torno de 4.400.000,00. A despesa anual com salários dos professores, incluído os encargos sociais, foi de aproximadamente 3.600.000,00. Veja, portanto, que apenas 80% do fundo é que foi utilizado para pagar salários, quando na verdade os 100% do FUNDEB pode ser disponibilizados, pois ainda assim estaríamos respeitando a proporção de 60% (salários) 40% (manutenção) que determina a lei do fundo”, afirmou Paulo Neres.

E concluiu: “o que não podemos esquecer é que o FUNDEB não é a única fonte de receita para a educação do município. Ele é apenas e tão somente 15% do total de 25%.”

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)