Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

16/10/2008 12:46

Cassilândia: Decreto do que vai ser pago pela Prefeitura

2.539/2008 – de 13 de Outubro de 2008.

“Dispõe sobre o encerramento do Exercício Financeiro de 2008 e dá outras providências.”

JOSÉ DONIZETE FERREIRA FREITAS, Prefeito Municipal de Cassilândia, Estado do Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais,

D E C R E T A:
Art. 1º - Para fins de encerramento do exercício financeiro de 2008 e do levantamento do Balanço Geral do Município de Cassilândia, observar-se-ão as normas orçamentárias, financeiras, patrimoniais e contábeis vigentes, bem como as disposições deste decreto.

Art. 2º - As Secretarias Municipais responsáveis pela gestão ou guarda de bens e valores do Município observarão as datas limites estabelecidas neste Decreto, nos casos que indica.

Art. 3º - As compras serão realizadas até o dia 03 de novembro, ressalvadas os casos cujos recursos sejam vinculados à saúde, educação, FUNDEB, convênios e os urgentes com prévia autorização do Prefeito Municipal.

Art. 4º - Só poderão ser emitidos empenhos até o dia 08 de dezembro de 2008, desde que tenha previsão de liquidação até 31 de dezembro de 2008, ressalvadas os casos relativos a pessoal, obrigações sociais, encargos e amortizações da dívida pública, bem como aqueles por conta da educação, saúde, recursos vinculados a convênios os urgentes com prévia autorização do ordenador de despesa.

Art. 5º - Os responsáveis por adiantamentos, sob pena de responsabilidade, na forma da lei, independente do prazo de aplicação previsto no ato da concessão, deverão apresentar as respectivas comprovações até o dia 23 de dezembro de 2008, data em que, também deverão recolher os saldos remanescentes porventura existentes, comprovando-os junto a Secretaria Municipal de Finanças, ressalvados os casos relativos a despesas com ambulância e ou viagens de servidores a serviço do município que não possam ser adiadas.

Art. 6º - Só permanecerão inscritas em “Restos a Pagar” as despesas empenhadas e devidamente liquidadas, dentro do limite do saldo da disponibilidade de caixa em 31 de dezembro de 2008.

§ 1º - Serão anulados os saldos dos empenhos ordinários por estimativas e globais, à conta dos recursos do Tesouro, ressalvados àqueles que referente á contrapartida de convênios com recursos financeiros reservados.

§ 2º - As despesas empenhadas e não processadas à conta de recursos oriundos de convênios, de operações de créditos, educação, FUNDEB e outros recursos vinculados, com recursos financeiros para cobertura poderão ser inscrito em restos a pagar não processados.

Art. 7º - A Secretaria Municipal de Administração deverá encaminhar a Secretaria Municipal de Finanças até 20 de dezembro de 2008.

I – Posição relativamente aos materiais de consumo adquiridos e utilizados do mês de dezembro – “balancete de entrada e saída de Almoxarifado”, assim como o inventário dos Bens em Almoxarifado.

II – Inventário físico dos Bens Patrimoniais Móveis e Imóveis do Município.

III – Folha de pagamento e encargos sociais do mês de dezembro para o respectivo empenho.

Art. 8º - A Secretaria Municipal de Finanças apresentará ao Prefeito Municipal até 31 de dezembro do ano em curso:

I – Relatórios da Dívida Ativa, demonstrando os créditos do Município existente em 31 de dezembro de 2008, bem como os valores prescritos.

II – Boletim de Caixa em 31 de dezembro de 2008, e respectivas conciliações bancária juntamente com extrato bancários individualizados por conta.

III – Relatórios dos restos a pagar liquidados e não liquidados por fontes de recursos referentes aos períodos de janeiro a 30 de abril de 2008 e 01 de maio a 31 de dezembro de 2008 e exercícios anteriores e demais passivos financeiros existentes no Município.

IV – Relatório analítico da Dívida Fundada Interna do Município.

Art. 9º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Paço Municipal “Joaquim Tenório Sobrinho”, aos 13 (treze) dias do mês de Outubro de 2008.

José Donizete Ferreira Freitas Prefeito Municipal

* Registrado em livro próprio e publicado por
afixação no local de costume, na mesma data.







Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)