Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/10/2009 13:00

Cassilândia: Baltazar abre o peito e desabafa

Baltazar, antes de deixar a política, no ano passadoArquivo do CassilândianewsBaltazar, antes de deixar a política, no ano passadoArquivo do Cassilândianews

Com quase 20 quilos a mais e dizendo estar bastante tranqüilo, depois que deixou a vida pública, o ex-vereador e prefeito interino de Cassilândia, Baltazar Soares Silva, concedeu longa entrevista ao programa Rotativa no Ar, da Rádio Patriarca, falando sobre diversos assuntos. Ele pesava 55 quilos, em dezembro do ano passado, e agora confessa ter chegado quase aos 75 quilos. O segredo: dorme cedo e se alimenta no horário e bem. Também atendia 300 ligações de celular por dia e agora pouquíssimas.

Lembrou que chegou a trabalhar com uma empresa de gás, mas não se acostumou, está agora na construção civil, um dos motivos de andar “sumido”.

“Eu estou muito melhor hoje fora da política, como pessoa, do que antes, mas gosto de política como gosto de futebol. Jamais posso dizer que abandonei. Mas, vou pensar muito para voltar a fazer política. Uma das formas é se os grupos convergirem. Fazer política, por prazer, jamais eu vou fazer. Mas sou um soldado”, comentou.

E continuou: “Nenhum cidadão pode dizer que ao ocupar um cargo político ele é dono de si mesmo. Por mais divergência que possa existir em um grupo é necessário conversar. “

SOBRE O PSDB E A SENADORA MARISA

Permanece no PSDB, tem mantido contato, mas acha que os políticos devem parar de colocar pessoas ligadas a eles em detrimento a outros companheiros. Ele fez uma velada crítica a senadora Marisa que estaria colocando um parente como candidato (primo) e assim perdendo companheiros, como foi o caso de Márcio Fernandes, que deixou o partido com esta justificativa.

O Márcio Monteiro, ex-prefeito de Jardim, segundo Baltazar, está sempre acompanhando a senadora Marisa e isto causa problemas com outros companheiros.

“Não pretendemos disputar nada, por enquanto, então não existe nenhum motivo para deixar o PSDB, mas o partido precisa cuidar melhor dos seus companheiros”, enfatizou.

E revelou: “Temos o caso da secretaria do nosso partido de Cassilândia que hoje está ando aula no Distrito de Indaiá do Sul e não recebeu nenhum telefonema da senadora Marisa Serrano para ver, pelo menos, o que estava acontecendo.”

Criticou o partido que está recebendo os deputados Ari Rigo e Onevan. Entende que o partido não pode atender a interesses momentâneos em detrimento aos companheiros “que ficam amassando barro”.

Contou que o partido entregou a senadora um documento de apoio ao atual prefeito de Cassilândia, quando diziam que estaria atrapalhando. E a senadora está atendendo ao prefeito, que consequentemente atende ao município.

SOBRE CANDIDATURAS A DEPUTADO

Entende a necessidade de um acordo amplo. Lembrou que Luizinho Tenório foi beneficiado com este entendimento e perdeu na primeira, mas se elegeu na segunda vez.

“Entendo que dos três ou quatro nomes que se fala na cidade, precisa ter um entendimento, primeiro entre eles” aconselhou. “Se tiver um nome só, pode ser o meu pior adversário, terá o meu apoio, sendo de Cassilândia”

Lembrou que na eleição passada existiam três candidatos e ninguém se elegeu. O que não pode é a pessoa falar em união “desde que seja a favor do nome dele”. “Este tipo de jogo sem transparência, não vai a lugar nenhum”.

Baltazar também deu o seu ponto de vista sobre os últimos acontecimentos da política local. A entrevista continua na edição de segunda-feira do Cassilândianews.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)