Cassilândia, Quinta-feira, 27 de Julho de 2017

Últimas Notícias

25/05/2006 13:55

Cassilândia -Autoridades chegam a acordo sobre segurança

Os prefeitos, promotores e juízes que se reuniram na manhã de hoje na sala de juri do Fórum de Cassilândia, chegaram a um consenso sobre ações imediatas que devem ser tomadas com relação a segurança em nossa região. Ficou acertado que a Prefeitura de Costa Rica contribuirá com R$ 500.00, a Prefeitura de Chapadão do Sul com R$ 1 mil, e a Prefeitura de Cassilândia juntamente com a Câmara Municipal contribuirão com cerca de R$ 2 mil mensais. O dinheiro será destinado ao Conselho da Comunidade, entidade responsável pelo apoio as ações emergênciais que são realizadas no Presídio Local. O pagamento terá inicío já no próximo mês.

Participaram da reunião as seguintes autoridades: os promotores Fábio Ianni Goldfinger e Ronaldo Vieira Francisco, Juiz da Comarca de Cassilândia Dr. Ronaldo Gonçalves Onofre, Marcos Góes, diretor da Unidade Penal de Cassilândia, sub-comandante da Policía Militar Tenente Silvio de Oliveira, Delegado da Policía Civil Paulo Henrique Rosseto de Souza. O Prefeito de Costa Rica Waldelli dos Santos Rosa, o Vice-Prefeito de Chapdão do Sul Paulo Rodrigues da Cunha (Paulão), e também os promotores de Costa Rica e Chapadão do Sul.

O Prefeito José Donizete, ao final da reunião disse estar bastante satisfeito com o apoio e o entendimento do problema por partes das autoridades das outras cidades, "nós desde que assumimos temos trabalhado incansavelmente pela integração regional, porque achamos que o caminho melhor que existe é o do diálogo e o da união. E quando observamos que num assunto tão importante como esse que é questão da segurança, todos querem ajudar, nós temos a certeza que estamos no caminho correto",disse.

O diretor da Unidade Penal de Cassilândia, Marcos Góes em sua fala durante a reunião destacou os gastos que Cassilândia tem com detentos de outras cidades, "nós temos que fazer ações emergênciais no tocante a saúde, e uma melhor assitência penitênciária, que não dá tempo de esperarmos a burocracia de licitações. E com isso, o Conselho da Comunidade de Cassilândia acaba arcando com todos os custos",disse.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 27 de Julho de 2017
Quarta, 26 de Julho de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 25 de Julho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)