Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/05/2011 10:10

Cassilândia: a experiência de uma pessoa não vale para outra

Bruna Girotto

A leitora Joana Darc Pimenta encaminhou um e-mail ao Cassilândia News. Segundo Joana, por incrível que pareça, ainda existem mulheres que acreditam em contos de fada, apaixonam-se e deixam tudo para viver o tão sonhado amor que conheceu na internet.

Ela decidiu contar aos leitores do Cassilândia News, como forma de alerta, o que já presenciou. Joana disse que todos os dias chegam brasileiras em Portugual, país onde ela está morando, iludidas por homens que conheceram pela internet.

\"Alguns deles até custeiam as despesas feitas por elas, mas não vi e nem soube de nenhum caso que era verdadeiramente o que diziam ser\", afirmou.

Em 2008, uma amiga de Joana, que mora em Portugal, disse que outra amiga do Brasil iria até seu paí para conhecer um senhor que amava e conheceu pela internet. \"Fiz amizades com ela pelo MSN e contei a ela o que estava presenciando em Portugal. Mas, ela me disse: \'comigo isso não vai acontecer, já namoramos há mais de um ano e ele vai pagar tudo, só quero um local pra ficar\'\", disse.

Na época, a amiga brasileira foi recebida na casa de Joana. O tempo passou e a pessoa que ela veio conhecer era tão doente de ciúmes e obsessivo, que ela teve que fugir dele, pois passou a ser agredida e ameaçada. \"Foi viver no porto pois não tinha dinheiro para retornar ao Brasil. Lá conheceu outros e outros até ir viver na Espanha, em uma boate\", contou Joana.

Atualmente, Joana manteve contato com ela e ficou sabendo que, infelizmente, a brasileira está grávida, mas vivendo com um homem que a agride a ponto de ir para o hospital.

\"Logo que cheguei aqui em junho passado, uma grande amiga de Campo Grande pediu para eu receber uma senhora de 50 anos, que viria conhecer um amor\", relatou Joana. \"Novamente eu contei tudo que já vi acontecer aqui, mas elas me disseram que isso com não aconteceria com ela, pois era uma senhora já e sabia se defender\".

Joana recebeu a senhora no aeroporto, levou-a para a sua casa, e até hoje, o seu \"grande amor da vida\", nunca foi conhecê-la. \"E ela tinha vindo com a passagem de vinda e está aqui trabalhando pra sobreviver\", disse. \"O que me deixa triste é saber que uma experiência nunca serve para outra pessoa. Não estou generalizando, apenas tenho pena de saber que ainda acreditam em palavras. Por isso quero deixar aqui um pequeno aviso a você que está pensando em vir. Cuidado, nada aqui é mar de rosas. Cuidado, aqui existem pessoas que mandam as despesas e tudo mais, e com o tempo ficam presas para trabalharem na prostituição. Cuidado, pense melhor antes de sair do Brasil em busca de um sonho. Ele pode virar um pesadelo\", finalizou Joana Darc.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)