Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/08/2005 08:40

Casa Civil esclarece o uso dos cartões corporativos

Shislaine Vieira / Campo Grande News

O uso dos Cartões de Pagamento do Governo Federal, os cartões corporativos, será alvo de auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União). A Assessoria Especial da Casa Civil da Presidência da República divulgou nota de esclarecimento sobre o uso destes cartões depois da auditoria ter sido anunciada nesta quinta-feira.
Conforme Agência Brasil, a nota esclarece que não há sigilo envolvendo informações referentes aos gastos com esses cartões e que por determinação legal, todos os gastos com os cartões, extratos ou notas fiscais referentes a eles sempre estiveram, e estão, à disposição do Tribunal de Contas da União e de órgãos de controle interno. A nota ainda explica que o Cartão de Pagamento do Governo Federal foi instituído em 2001 e utilizado a partir de agosto de 2002, por servidores públicos que exercem a função de agentes supridores. Estes servidores não têm vinculação exclusiva com nenhuma autoridade e os cartões nunca são usados para gastos de natureza pessoal.
Os gastos do governo, entre os quais os realizados com cartões de pagamento, são auditados pelo TCU durante a análise anual da prestação de contas do Governo Federal, de acordo com a nota. Esses gastos já passaram, em setembro de 2004, por auditoria especial do TCU. Os saques em dinheiro vivo feitos pelos supridores são vinculados à cobertura de faturas, cujo pagamento é imediato, que "a concentração de gastos em alguns supridores se deve à maior disponibilidade para viagens de alguns deles"; e que "os desembolsos da unidade orçamentária Gabinete da Presidência envolvem despesas de 21 órgãos, alguns deles antes não incluídos nessa rubrica".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)