Cassilândia, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

Últimas Notícias

17/04/2013 16:52

Cardozo vai à Bolívia e discute situação de torcedores corinthianos e fronteiras

Renata Giraldi, Agência Brasil

Brasília – O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, passou o dia de hoje (17) reunido com autoridades das áreas de segurança, Justiça e fronteiras, em La Paz, na Bolívia. Ele discutiu propostas para intensificar a fiscalização nas regiões fronteiriças e também a questão envolvendo os 12 torcedores corinthianos detidos em Oruro (Bolívia).

As reuniões ocorrem no momento em que o Brasil articula com a Bolívia, o Peru e o Equador acordos para minimizar os efeitos da imigração de haitianos e o caso dos torcedores brasileiros que aguardam definição da Justiça boliviana.

As autoridades da Bolívia fizeram hoje (17) a reconstituição informal do episódio envolvendo torcedores brasileiros que terminou com a morte do jovem Kevin Espada, 14 anos, no Estádio de San José, em 20 de fevereiro deste ano. Desde a morte de Espada, 12 torcedores do Corinthians são mantidos detidos no presídio de San Pedro, há quase dois meses.

A operação é chamada na Bolívia de “inspeção ocular” e está sob comando do Ministério Público de Oruro, que fica a cerca de oito horas de carro de La Paz, capital da Bolívia. A Embaixada do Brasil em La Paz foi informada sobre a reconstituição.

Edição: Fernando Fraga

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 23 de Agosto de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 22 de Agosto de 2017
21:03
Cassilândia
06:11
Inocência, Alcinópolis, Figueirão e Paraiso das Àguas
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)