Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/10/2015 06:50

Capítulo de hoje da novela da Record

Redação

OS DEZ MANDAMENTOS

No capítulo 139, quinta-feira, 01 de outubro – Moisés entrega o corpo de Henutmire a Ramsés e o rei é tomado pela angústia e pelo medo. Ambos choram em silêncio, Moisés assente, dando a entender a culpa de Ramsés pelo ocorrido, e vai embora. Joquebede, Hur, Miriã e Leila aguardam do lado de fora do palácio. Hur não suporta a dor e sai. Moisés se aproxima e recebe um forte abraço de Joquebede. Ikeni avisa a Paser e a Simut sobre a morte da princesa e eles reagem assustados. Leila tenta consolar Hur com as lembranças de Henutmire e se emociona. Ela surpreende o sogro ao avisar que abandonou o palácio sem a companhia de Uri. Nefertari conta a Yunet sobre a morte da princesa. A mãe da rainha tenta disfarçar a satisfação com a notícia e minimiza a culpa de Ramsés. Triste, Paser examina o corpo de Henutmire que está sendo preparado para o embalsamamento. Ele inicia a leitura do Livro dos Mortos enquanto os outros começam o processo. Arão e os demais hebreus retornam da obra e são comunicados sobre a morte da princesa. Diante da notícia, Arão e os filhos vão ao encontro de Moisés. Corá se choca com o que ouviu e fica intrigado com a morte de Henutmire. Ele avista Apuki e tenta ter mais informações. O feitor reage com brutalidade, o afastando do caminho. Yunet serve um vinho a Bakenmut com o intuito de comemorar a morte de Henutmire. Ele fica surpreso com a atitude, mas Yunet não se abala e mantém o brinde. Arão entra no quarto e encontra Moisés triste, com os olhos inchados do choro. Eles se olham em silêncio. Moisés tenta falar, mas é impedido pela emoção e chora nos braços do irmão. Bezalel recebe com a alegria a notícia de que Leila voltou para a vila. Eles comemoram emocionados, mas a notícia de que Uri continua no palácio entristece o rapaz. A pedido de Nefertari, Gahiji prepara uma bandeja para servir o rei. Ele se nega a comer e, angustiado, desabafa com Nefertari que talvez devesse permitir a partida dos hebreus. A rainha tenta convencê-lo do contrário, usando a morte de Henutmire como pretexto para não desistir da luta contra os escravos. Ramsés fica pensativo envolto em seus conflitos. Uri desabafa com Gahiji sua preocupação com a dor do pai e o afastamento de Leila. O cozinheiro tenta mostra que Leila pode ter razão na escolha tomada, mas Uri se mostra convencido de que o povo hebreu não sairá vitorioso. Assir e Elcana cobram de Corá sobre a casa prometida pelo pai. Corá reage impaciente com os filhos, sem saber ao certo se Yunet cumprirá o acordo. Arão conversa com Eliseba e ela questiona se não seria certo a princesa ser enterrada seguindo os preceitos do Deus de Israel. Arão diz que a escolha de Moisés foi para evitar mais problemas. Miriã e Moisés relembram as histórias vividas com Henutmire e ele lamenta que Zípora e seus filhos não a tenham conhecido. Moisés agradece Miriã por ser a irmã dele e eles se abraçam emocionados. Hebreus e egípcios se reúnem para acompanhar o cortejo de sepultamento de Henutmire. Oséias e Ana trocam olhares discretos. A família real passa abrindo o cortejo. Leila sente tristeza ao ver Uri. Ele, por outro lado, olha com pesar o sofrimento do pai, visualiza Leila e Bezalel, mas a mágoa o impede de manter o olhar nos dois. Meketre rejeita a presença de Bak, enquanto Corá tenta, inutilmente, cobrar o acordo de Yunet. Joquebede estranha a presença das imagens dos deuses egípcios que a princesa já não cultuava mais. Moisés explica que Ramsés não admitira publicamente a escolha de Henutmire e o que importa é que Deus tem ciência da entrega dela a Ele. Ramsés manda parar o cortejo quando vê os hebreus jogando flores de lótus em homenagem à princesa. Ele olha para o Moisés e, falando ao povo, acusa o hebreu de ser culpado pela morte de Henutmire. Moisés reage firme e, em meio a todos, enfrenta o poderoso faraó.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)