Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/02/2016 14:30

Câncer: como encarar?

EPharma Notícias

Quando falamos sobre o câncer, textos com palavras devastadoras, luta ou lágrimas ainda são recorrentes. Este ano, o tema do Dia Mundial do Câncer, comemorado no dia 04/02, foi: “Nós podemos. Eu posso”. A data é uma iniciativa singular em busca de ações que modifiquem esse cenário. O objetivo é evitar milhões de mortes por uma doença que pode ser prevenida e/ou detectada precocemente, através de medidas individuais e institucionais.

Cada um pode – e deve – fazer a sua parte através da hábitos como não fumar, beber álcool sem excessos, praticar atividade física, ter uma dieta rica e saudável, evitar o sol em horários impróprios e fazer visitas de rotina ao médico, mesmo sem sintomas ou histórico familiar. As instituições públicas e privadas, da mesma forma, devem fomentar educação e criar ambiente adequado para que as pessoas tomem atitudes práticas.

É uma demanda mundial para que se criem soluções ágeis através de políticas de saúde sensíveis a esta epidemia global, de forma a tentar reduzir o enorme consumo de recursos, humanos e financeiros, que só vem crescendo. O tema de 2016 é um convite para mostrar que podemos, de forma simples e criativa, contribuir com essa meta. Um exemplo genial foi do casal Ray e Amy Green, que desenvolveu um jogo para computadores chamado “Aquele Dragão, o Câncer”, em homenagem a seu filho, Joel, diagnosticado com um tumor cerebral.

O jogo explora desde pequenas batalhas diárias de quem enfrenta a doença, como conseguir brincar no parque, até momentos densos, como receber uma má notícia do seu médico. E a recompensa de ganhar um sorriso do paciente vale mais do que simples pontos. Uma das qualidades do jogo é mostrar que sempre temos que seguir em frente. Joel Green, filho do casal que criou o jogo, faleceu durante o projeto. O jogo será lançado este ano, mostrando que o ser humano é capaz de encontrar luz e coragem nos momentos que parecem ser os mais escuros e com mais incertezas. A necessidade de participação de cada um e de todos, entretanto, é uma das certezas que podemos ter para tentar reescrever essas histórias.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)