Cassilândia, Sábado, 29 de Fevereiro de 2020

Últimas Notícias

04/02/2020 12:00

Campo-grandense, vítima de anúncio pornográfico fake, aciona a Justiça

Mulher recebeu ligações e mensagens com solicitação de suposto serviço sexual até deparar com seu nome em conteúdo adulto

Campo Grande News
Defensora pública Graziele Carra Dias durante palestra. Ela diz que violência é direcionada contra a mulher (Foto: Divulgação)Defensora pública Graziele Carra Dias durante palestra. Ela diz que violência é direcionada contra a mulher (Foto: Divulgação)

Uma mulher de Campo Grande, que não teve a idade e profissão reveladas, foi vítima de falso anúncio com conteúdo pornográfico, publicado na internet. A mulher relata que ainda no fim do ano passado foi surpreendida com telefonemas e mensagens em redes sociais e também no WhatsApp por desconhecidos que solicitavam agendamento pelo serviço.

Ainda sem entender a situação, a mulher fez buscas pela internet e se deparou com seu nome no anúncio em site de conteúdo adulto com fotos, dados pessoais e o número do seu telefone.

Ela procurou a Defensoria Pública, que conseguiu em caráter de urgência retirar o conteúdo do ar. Mas dias depois foi novamente surpreendida com mensagens e contatos telefônicos de desconhecidos com o mesmo teor. Ao fazer nova busca na internet, encontrou novos anúncios.

De acordo com a defensora pública Graziele Carra Dias, do Nudem (Núcleo Institucional de Promoção e Defesa dos Direitos da Mulher), o órgão entrou com ação e a Justiça concedeu pedido de antecipação de tutela obrigado a página a remover o anúncio sob pena de multa diária e a fornecer os dados de quem enviou os falsos anúncios.

A mulher pede danos morais de R$ 30 mil. Uma audiência de conciliação está prevista entre as duas partes. A vítima conta que desconhece de quem possa ter feito o anúncio. “Essa violência é direcionada contra a mulher e pode ter cunho de vingança, evidenciando a violência de gênero, no caso, ou ainda a ‘exposição pornográfica não consentida’”, observou.

 

Campo-grandense, vítima de anúncio pornográfico fake, aciona a Justiça
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 29 de Fevereiro de 2020
Sexta, 28 de Fevereiro de 2020
10:00
Receita do Dia
Quinta, 27 de Fevereiro de 2020
10:00
Receita do Dia
Quarta, 26 de Fevereiro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)