Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/01/2011 01:45

Campo Grande: homem pode estar com dengue tipo 4

Campo Grande News

A SES (Secretaria Estadual de Saúde) está em alerta para evitar uma epidemia de dengue em 2011 no Mato Grosso do Sul, provocada pelo tipo 4 da doença – ainda não notificado no Estado. A secretaria investiga o caso de um paciente do sexo masculino, de 38 anos, que veio do Pará para Campo Grande e está com sintomas de dengue.

Segundo o diretor-geral da SES, Eugênio Barros, existe “indícios” de que o homem esteja com o tipo 4 por ter vindo de um estado do norte do país, onde há casos confirmados da doença. Já foram diagnosticados pacientes com a dengue tipo 4 nos estados de Roraima, Amazonas e Pará. O diretor da SES também informou que o resultado dos exames feitos no paciente será divulgado na próxima semana.

“A informação que tenho é de que ele está bem, não teve agravante no quadro clinico e está hospedado em Campo Grande, mas não foi internado em hospital. Como qualquer outro paciente com suspeita de dengue, os cuidados com a saúde devem ser redobrados”, disse Barros.

Ainda de acordo com o diretor-geral, medidas de prevenção contra a propagação do tipo 4 estão sendo tomadas, como a eliminação de focos da dengue próximos ao local onde o paciente está.

Cuidados clínicos com o tipo 4 são os mesmos, mas risco de epidemia é maior. “O tipo 4 ainda não circulou no estado, mas sabemos que está no Brasil e pode chegar aqui. Os cuidados são os mesmos, porque clinicamente é uma dengue igual às outras. As complicações no caso variam de pessoa para pessoa. O problema é que toda essa geração da população não possui anticorpos contra esse tipo e por isso estão mais vulneráveis ao contágio”, explica Eugênio.

Se a dengue tipo 4 entrar em Mato Grosso do Sul, a SES admite a possibilidade de que haja uma epidemia maior e com a transmissão mais rápida de casos. Situação semelhante foi vivida em 2007, quando uma epidemia de dengue tipo 3 atingiu o estado.

“Estava todo mundo suscetível ao vírus recém chegado, como agora estamos ao vírus 4”, complementou. (Colaborou Paula Vitorino)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)