Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/12/2015 15:00

Campeões, Corinthians, Palmeiras e Botafogo se destacam em ano paulista

FPF

A temporada pode ser considerada altamente positiva para o futebol do Estado de São Paulo, com Corinthians e Palmeiras conquistando os títulos mais importantes do país - Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, respectivamente -, além do São Paulo conquistando uma vaga para disputar a Taça Libertadores da América em 2016. A Série D também teve um campeão paulista: o Botafogo, de Ribeirão Preto. Confira como foi o ano dos clubes de São Paulo.

Em janeiro, como historicamente acontece, houve a realização da 46ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O pontapé inicial para o torneio aconteceu no dia 03 de janeiro e a final como sempre acontece, foi realizada no dia 25 do mesmo mês, quando é comemorado o aniversário da cidade de São Paulo.

Na grande final da competição, dois clubes paulistas: o Corinthians, maior vencedor da Copa São Paulo de Futebol Júnior e o Botafogo, clube de Ribeirão Preto que sempre revela grandes talentos para o futebol nacional. No duelo, o Corinthians venceu por 1 a 0, com gol de Maycon, em uma falha do goleiro Talles. O alvinegro da capital conquistava assim, o seu nono título do torneio e abrindo vantagem para o Fluminense, segundo maior vencedor com cinco conquistas.

Do time campeão, Marciel e Guilherme Arana tiveram chances entre os profissionais do Corinthians, comandados por Tite. Já pelo Botafogo, o zagueiro Caio Ruan foi um jogador de destaque entre os profissionais do clube nesta temporada. O artilheiro do time Isaac Prado foi negociado com o próprio Corinthians. Ainda em janeiro, houve a estreia do Paulistão Itaipava 2016 – Série A1, do Paulistão Itaipava 2016 – Série A2 e do Campeonato Paulista Série A3.

Em fevereiro, aconteceu o primeiro clássico entre Palmeiras e Corinthians da história do Allianz Parque e os alvinegros levaram a melhor, vencendo o dérbi paulista por 1 a 0, com gol de Petros. Ainda em fevereiro, Corinthians e São Paulo duelaram pela Libertadores da América. No dia 18 daquele mês, o Corinthians fez valer o dever de casa e venceu por 2 a 0, com gols de Elias e Jadson.

Já em março, mais um confronto entre os clubes na Libertadores, desta vez no Morumbi e o São Paulo devolveu o mesmo placar com gols de Luis Fabiano e Michel Bastos. Palmeiras e Santos estrearam na Copa do Brasil naquele mês e fariam a final do torneio no final do ano. O Palmeiras venceu o Vitória da Conquista da Bahia por 4 a 1 e eliminou o jogo da volta. Já o Santos venceu o Londrina (PR), no Paraná por 1 a 0 e no jogo da volta, também venceu pelo placar mínimo.

Santos, Ferroviária e Taubaté campeões

Abril marcou o início do Campeonato Paulista da Segunda Divisão e da fase decisiva do Paulistão Itaipava 2016 – Série A1, onde os quatro grandes venceram seus confrontos e foram para a semifinal. Em jogo único, o Santos venceu o São Paulo jogando na Vila Belmiro, por 2 a 1 e conquistou uma das vagas na final, a sétima seguida. O outro finalista foi o Palmeiras que empatou por 2 a 2 com o Corinthians, jogando na Arena Corinthians e nos pênaltis avançou às finais.

Na decisão, o Palmeiras venceu jogando em seu estádio pelo placar de 1 a 0, com gol de Leandro Pereira. Dudu ainda desperdiçou uma cobrança de pênalti e o alviverde perdeu a oportunidade de levar uma vantagem maior para Santos. Na partida de volta, o Santos reverteu o placar e venceu por 2 a 1, com gols de David Braz e Ricardo Oliveira. Lucas descontou para o Palmeiras e levou a decisão para os pênaltis. Vladimir pegou a cobrança de Rafael Marques e viu o zagueiro Jackson chutar no travessão e o Santos se tornou campeão paulista de 2015.

No Paulistão Itaipava 2015 – Série A2, a Ferroviária de Araraquara venceu 14 dos 19 jogos que fez na competição e garantiu o título com oito pontos a frente do segundo colocado, o Grêmio Novorizontino. O clube de Araraquara fez 44 pontos no total e voltou para a elite após 19 anos. Além do campeão e do vice, Oeste de Itápolis e Água Santa também subiram para divisão de elite. O clube de Diadema e de Novo Horizonte vão participar pela primeira vez da Série A1 do futebol paulista.

Pelo Campeonato Paulista da Série A3, o campeão foi o Taubaté. Após a primeira fase, oito equipes avançaram para a segunda. Juventus, Atibaia, Taubaté, Votuporanguense, Inter de Limeira, Primavera, Barretos e Grêmio Osasco foram as equipes classificadas. Na fase seguinte, dois grupos de quatro times. Os quatro clubes que conquistaram o acesso foram Votuporanguense, Juventus, Taubaté e Atibaia. Como ficaram na liderança de seus grupos, o time de Votuporanga e o Taubaté fizeram a final.

No confronto final, o Votuporanguense venceu o primeiro jogo por 3 a 0, mas no jogo da volta, que aconteceu em Taubaté, o clube mandante venceu por 4 a 0 e ficou com o título do torneio pelo placar agregado.

Segundo semestre

Com o término dos campeonatos estaduais, o Campeonato Brasileiro teve início. O Palmeiras recebeu o Atlético Mineiro, no dia 09 de maio, e empatou no Allianz Parque por 2 a 2. No dia 10, o São Paulo venceu o Flamengo (RJ) por 2 a 1, em São Paulo. O Corinthians bateu o Cruzeiro (MG), jogando em Cuiabá, por 1 a 0, o Santos empatou com o Avaí (SC), em Florianópolis e a Ponte Preta empatou com o Grêmio (RS), no Rio Grande do Sul por 3 a 3.

Também em maio, o Corinthians foi eliminado da Taça Libertadores da América. O alvinegro paulista enfrentou o Guaraní do Paraguai e jogando no Paraguai perdeu por 2 a 0. Precisando reverter o placar, o Corinthians se lançou ao ataque, mas acabou sofrendo novo revés, desta vez, por 1 a 0 e deu adeus a competição.

Quem também teve o mesmo destino do seu rival foi o São Paulo. O clube do Morumbi venceu o Cruzeiro por 1 a 0 no jogo de ida e na volta perdeu pelo mesmo placar e acabou sendo eliminado nos pênaltis.

Ainda em maio, o Campeonato Brasileiro da Série B teve pontapé inicial com Bragantino, Oeste e Mogi Mirim representando o Estado. Apesar de bastante expectativa, a equipe de Bragança terminou na sexta colocação e ficou perto do acesso. O Oeste lutou contra o rebaixamento e conseguiu se manter na segunda divisão nacional, diferente do Mogi Mirim, que terminou na lanterna do torneio e vai disputar a Série C em 2016.

O Campeonato Brasileiro da Série C também teve início. Portuguesa, Guarani e Guaratinguetá eram os representantes paulistas. O clube de Campinas e de Guaratinguetá não passaram da primeira fase. O Guarani lutou pela classificação até a última rodada, mas ficou no quase. O Guaratinguetá lutou contra o rebaixamento e conseguiu se livrar do descenso. A Portuguesa conseguiu passar para segunda fase, mas acabou sendo eliminada pelo Vila Nova (MG).

Em junho, parada para a disputa da Copa América, onde o Brasil acabou sendo eliminado nos pênaltis pelo Paraguai e viu o Chile, anfitrião, ser campeão pela primeira vez. No mês seguinte, teve a volta do Campeonato Brasileiro e o Corinthians seguia sua caça ao líder Atlético Mineiro. Também em julho, teve o início da Copa Paulista, onde 19 clubes lutariam pela conquista do torneio.

O Campeonato Brasileiro da Série D começou em julho e os clubes que representavam o Estado eram o Botafogo, Red Bull e São Caetano. Já no mês de agosto, o Corinthians venceu o Sport jogando em Itaquera, por 4 a 3 e contou com o tropeço do Atlético Mineiro para assumir a liderança do Campeonato Brasileiro.

Decisões

Também em agosto, grandes confrontos dos clubes paulistas pela Copa do Brasil. Santos e Corinthians duelaram pela quarta fase da competição e o clube da baixada santista venceu os dois jogos, na Vila Belmiro por 2 a 0 e jogando na Arena do Corinthians por 2 a 1 e eliminou o líder do Campeonato Brasileiro na ocasião. Quem também avançou para as quartas de finais foi o Palmeiras. O clube de Palestra Itália venceu o Cruzeiro (MG), em São Paulo, por 2 a 1 e na volta, na partida que aconteceu no Mineirão, o alviverde venceu por 3 a 2, com show do menino Gabriel Jesus.

Outro clube grande que conseguiu avançar no torneio foi o São Paulo. Após perder no Morumbi para o Ceará, pelo placar de 2 a 1, o tricolor do Morumbi venceu por 3 a 0 e garantiu passagem para as quartas de finais.

Em setembro, o Corinthians mantinha sua sólida campanha e os comandados de Tite eram cada vez mais líderes do Campeonato Brasileiro. Já na Copa do Brasil, novamente os três grandes avançavam de fase. O Santos venceu o Figueirense (SC), em Santa Catarina por 1 a 0 e na volta, jogo que aconteceu no Pacaembu, o Santos venceu mais uma vez, agora por 3 a 2 e conquistou uma vaga na semifinal da competição.

O São Paulo encarou o Vasco da Gama (RJ) que lutava contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Com uma vitória tranquila por 3 a 0 no Morumbi, o tricolor paulista empatou no Maracanã por 1 a 1 e também avançou. O Palmeiras foi o clube paulista que enfrentou uma dificuldade maior para conquistar a vaga. Com um empate por 1 a 1, jogando no Beira-Rio diante do Internacional (RS), o alviverde sofreu, mas venceu por 3 a 2, com gol de Andrei Girotto, após abrir 2 a 0 e deixar os gaúchos empatarem e também foi para seminifinal.

Já em outubro, o Corinthians encaminhava a conquista do hexacampeonato brasileiro. O alvinegro paulista mantinha uma vantagem de oito pontos em relação ao vice-líder Atlético Mineiro e se aproximava da conquista. Já pela Copa do Brasil, o Palmeiras tinha o Fluminense (RJ) e São Paulo e Santos faziam o clássico pela semifinal da competição.

O Palmeiras jogou a primeira partida no Maracanã e foi derrotado pelo Fluminense por 2 a 1. No jogo da volta, o alviverde paulista até abriu 2 a 0, com dois gols de Barrios, resultado que dava a classificação para a final, mas Fred fez o gol que levou a decisão para os pênaltis. Nas penalidades, Prass pegou a cobrança de Gustavo Scarpa e viu o zagueiro Gum desperdiçar. O Palmeiras não errou nenhuma oportunidade e avançou à final da Copa do Brasil.

Já no clássico paulista, o Santos venceu os dois duelos. No primeiro confronto que aconteceu no Morumbi, Gabriel, Ricardo Oliveira e Marquinhos Gabriel fizeram os gols e Pato descontou o placar que terminou em 3 a 1. Na partida de volta, Ricardo Oliveira, em duas oportunidades e Marquinhos Gabriel anotaram os tentos santistas. Michel Bastos descontou para o São Paulo, mas o clube de Vila Belmiro chegava à final para fazer mais um clássico e nova decisão contra o Palmeiras.

Títulos e festas paulistas

Chegou novembro e com o novo mês, também chegaram as conquistas dos clubes paulistas. Pela Copa Paulista, Linense e Ituano fizeram a final da competição. Com dois empates, o título seria decidido nas penalidades máximas e o Linense se tornou campeão. O goleiro Galletti viu seu adversário desperdiçar uma cobrança e pegou outra para levar o time de Lins à conquista.

O Campeonato Brasileiro da Série D também chegou ao fim. O Botafogo era o único paulista remanescente e tinha o Ríver do Piauí como adversário do duelo derradeiro. Na primeira partida que aconteceu em Ribeirão Preto, o Botafogo contou com noite inspirada de Francis, que marcou três gols na vitória por 3 a 2. No jogo da volta, no Piauí, Neneca segurou o empate por 0 a 0 e o Botafogo conquistou seu primeiro título nacional.

A metade do mês chegou e o Corinthians foi enfrentar o Vasco da Gama (RJ), em São Januário e precisava de um empate para conquistar seu sexto título brasileiro. O título se encaminhava, mas aos 26 minutos do segundo tempo, o lateral esquerdo Júlio César, tabelou com Nenê e abriu o placar para o Vasco. Dez minutos depois, Vágner Love, atacante que foi contestado no início, apareceu na pequena área e cabeceou para as redes para empatar o jogo e decretar de vez a conquista do hexacampeonato do Corinthians.

Ainda no 11º mês, tivemos a final do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, onde São Carlos e Fernandópolis ficaram frente a frente. Com duas vitórias, uma por 2 a 1, em Fernandópolis e outra por 1 a 0, em São Carlos. O time são-carlense sagrou-se campeão e conquistou o acesso para Série A3 do estadual, assim como o próprio Fernandópolis, Noroeste e Olímpia.

No final de novembro, a primeira partida da final da Copa do Brasil aconteceu entre Santos e Palmeiras. O jogo, marcado para Vila Belmiro, terminou com vitória santista por 1 a 0, com gol de Gabriel. O atacante ainda desperdiçou uma penalidade máxima no início do primeiro tempo.

O último mês do ano surgiu e restava a última partida da Copa do Brasil e ainda tinha o São Paulo lutando por uma das vagas na Libertadores da América. Na última rodada do Campeonato Brasileiro, o São Paulo venceu o Goiás (GO), em Goiânia e ficou em quarto lugar, garantindo uma vaga na Pré-Libertadores de 2016.

Final inédita entre paulistas

Palmeiras e Santos se enfrentaram no Allianz Parque, do dia 02 de dezembro. O Palmeiras lutava para manter a hegemonia de títulos nacionais e o Santos buscava empatar com seu rival. O Palmeiras tinha que no mínimo reverter o placar da Vila Belmiro para levar a decisão para os pênaltis.

Em um duelo muito movimentado, o Palmeiras abriu 2 a 0, com dois gols de Dudu e se aproximou do título, mas Ricardo Oliveira, artilheiro do Brasil no ano fez o seu e levou o duelo para os pênaltis. Nas cobranças, Marquinhos Gabriel chutou para fora, Fernando Prass pegou a batida de Gustavo Henrique, Vanderlei pegou o pênalti cobrado por Rafael Marques. Todos os outros converteram suas cobranças, mas restava mais uma. O goleiro Prass foi o encarregado pela última cobrança e fez o gol que levou o Palmeiras ao seu terceiro título da Copa do Brasil. Coroando um ótimo ano para o futebol paulista!

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)