Cassilândia, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

Últimas Notícias

24/05/2006 10:28

Camisinhas com látex natural a partir de janeiro de 2007

Luthianna Hollenbach/ABr

O Brasil começará a fabricar camisinhas masculinas a partir de janeiro do ano que vem. As obras da primeira fábrica de preservativos no Brasil já começaram. A unidade está sendo construída em Xapuri, no Acre, e as camisinhas serão produzidas com látex natural da seringueira nativa.

Os preservativos masculinos serão entregues de graça em hospitais públicos e centros de saúde. A meta do Ministério da Saúde é fabricar 100 milhões de preservativos, o que corresponde a 10% do total distribuído no país.

A diretora do programa Nacional de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids, Mariângela Simão, diz que com a construção da fábrica vão ser gerados 600 empregos e haverá uma melhoria na economia de região.

"Essa proposta da construção da fábrica no Acre busca não só uma maior autonomia para o país como um desenvolvimento sustentável da região. Mas também qualificar os seringueiros para a coleta da borracha de uma forma mais limpa e que permita que a borracha seja beneficiada para a produção do látex".

O Brasil iniciou a distribuição gratuita de preservativos em 1997 entregando 13 milhões e 400 mil unidades. Em 2002, esse número foi dez vezes maior. Para 2006, a meta é distribuir 1 bilhão de preservativos masculinos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 30 de Março de 2017
Quarta, 29 de Março de 2017
20:34
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)