Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/03/2005 10:41

Caminhoneiros têm dificuldade para cadastramento na ANTT

Inara Silva/Campo Grande News

Caminhoneiros que não fizeram o registro na ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre) estão com dificuldades para conseguir fazer o cadastro. Em entrevista ao Bom Dia MS, da TV Morena, o relações públicas do Sindcargas/MS (Sindicato dos Transportadores Autônomos de Cargas de Mato Grosso do Sul), Roberto Sinai, afirmou que, embora seja gratuito, existem somente três postos para o cadastramento no Estado, sendo dois em Campo Grande e um em Dourados. Os da Capital, conforme Sinai, ficam em áreas de difícil acesso para caminhões, já o de Dourados só funciona a partir das 13h, atendendo 20 pessoas por dia, fato que deixa os caminhoneiros com a viagem interrompida por até dois dias. O Sindicargas já chegou a sugerir que os postos fossem instalados ao longo das rodovias. Segundo Sinai, o registro vai contribuir para a redução do roubo de cargas, de caminhões e vai garantir segurança para os motoristas. O sindicato estima que 15% da frota, ou seja, 7,5 mil caminhões estejam sem o registro no Estado. A ANTT informou que a fiscalização ocorre somente em nove cidades do país e ainda não foi estendida ao Mato Grosso do Sul. Quem for flagrado em blitz e não tiver o registro estará sujeito a multa de R$ 500. As informações são do Bom Dia MS da TV Morena.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)