Cassilândia, Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

04/03/2005 10:41

Caminhoneiros têm dificuldade para cadastramento na ANTT

Inara Silva/Campo Grande News

Caminhoneiros que não fizeram o registro na ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre) estão com dificuldades para conseguir fazer o cadastro. Em entrevista ao Bom Dia MS, da TV Morena, o relações públicas do Sindcargas/MS (Sindicato dos Transportadores Autônomos de Cargas de Mato Grosso do Sul), Roberto Sinai, afirmou que, embora seja gratuito, existem somente três postos para o cadastramento no Estado, sendo dois em Campo Grande e um em Dourados. Os da Capital, conforme Sinai, ficam em áreas de difícil acesso para caminhões, já o de Dourados só funciona a partir das 13h, atendendo 20 pessoas por dia, fato que deixa os caminhoneiros com a viagem interrompida por até dois dias. O Sindicargas já chegou a sugerir que os postos fossem instalados ao longo das rodovias. Segundo Sinai, o registro vai contribuir para a redução do roubo de cargas, de caminhões e vai garantir segurança para os motoristas. O sindicato estima que 15% da frota, ou seja, 7,5 mil caminhões estejam sem o registro no Estado. A ANTT informou que a fiscalização ocorre somente em nove cidades do país e ainda não foi estendida ao Mato Grosso do Sul. Quem for flagrado em blitz e não tiver o registro estará sujeito a multa de R$ 500. As informações são do Bom Dia MS da TV Morena.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 22 de Fevereiro de 2017
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
Segunda, 20 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)