Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/04/2004 11:17

Câmara:Relator busca acordo para votação da PEC Paralela

Agência Câmara

O relator da PEC Paralela da Previdência, deputado José Pimentel (PT-CE), reúne-se hoje com as bancadas do PL e do PV em busca de um acordo para a votação da matéria.
A pedido da base do Governo, por falta de acordo, o presidente da comissão especial que analisa a matéria (PEC 227/04), Roberto Brant (PFL-MG), cancelou a reunião prevista para ontem, quando o relatório de Pimentel seria votado.

Ontem, Pimentel se reuniu com os líderes da base de apoio ao Governo e não houve consenso para a votação da PEC na comissão especial, pois o texto contempla propostas que já haviam sido rejeitadas na Câmara. O relator já discutiu o texto de seu substitutivo com a bancada do PMDB e afirmou que ouvirá todos os partidos da base aliada antes de apresentar seu substitutivo. "O maior problema para se chegar a um acordo é o subteto dos servidores públicos estaduais", lembrou.

O texto original da PEC permite que governadores, deputados estaduais e vereadores aumentem os seus salários, reajuste que não encontra respaldo de muitos deputados. "O subteto único, que obrigatoriamente teria que ser de 90,25% do salário do ministro do Supremo Tribunal Federal, é o ponto de divergência porque implicaria a elevação de todas as folhas de pessoal, tanto do Executivo quanto do Legislativo. Haveria muita dificuldade para que os Estados suportassem a elevação", afirma o relator.

O teto salarial dos deputados estaduais, com a elevação, poderia passar de R$ 9.600 para R$ 17.225, comprometendo o equilíbrio fiscal dos estados.

Pimentel disse ainda não ter decidido se, em seu substitutivo, vai propor um ou mais subtetos. Outros pontos que devem ser alterados, segundo ele, são a aposentadoria dos professores e a paridade plena.

As informações são da Agência Câmara

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)