Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/12/2008 19:16

Câmara empossa suplentes de deputado no recesso

Iolando Lourenço , ABr

Brasília - Pelos menos 15 novos deputados assumem o mandato parlamentar definitivamente, a partir do dia 6 de janeiro. Eles ocuparão vagas deixadas por deputados que foram eleitos prefeitos em outubro passado e vão assumir o cargo em 1º de janeiro. Dos 87 parlamentares que disputaram as eleições municipais deste ano, 16 foram eleitos prefeitos e dois, vice-prefeitos.

Mesmo com o Congresso Nacional em recesso parlamentar até 1º de fevereiro, o presidente da Câmara dos Deputados, Arlindo Chinaglia (PT-SP), marcou para 6 de janeiro a posse dos novos parlamentares, que vão receber o salário de janeiro, proporcional aos dias em que estiverem no mandato, mesmo sem estar trabalhando em Brasília.

O salário de deputado é de pouco mais de R$ 16 mil. Cada deputado ou senador tem direito também a uma verba indenizatória de R$ 15 mil por mês, além de moradia ou auxílio-moradia, passagens aéreas e verba de gabinete de R$ 60 mil para contratação de servidores (secretários parlamentares) para seus gabinetes. Com o fim do nepotismo, os parlamentares não podem mais contratar parentes para esse trabalho.

Dos 16 deputados que saíram vencedores em outubro, apenas Jusmari Oliveira (PR-BA), eleita prefeita de Barreiras, renunciou ao mandato no dia 12 de dezembro e seu suplente, Márcio Carlos Marinho (PR), assumiu o mandato parlamentar no dia 16. Os demais têm até o dia 31 deste mês para entregar à Câmara ofício comunicando a renúncia ao mandato para que possam assumir o cargo de prefeito no dia 1º de janeiro. Dos demais eleitos, 12 já encaminharam os ofícios, que serão publicados no inicio de janeiro. Os suplentes serão, então, convocados para tomar posse.

Os dois deputados vice-prefeitos – Frank Aguiar (PTB-SP), em São Bernardo do Campo, e Carlos Souza (PP-AM), em Manaus – ainda não encaminharam o ofício. Aguiar e Souza poderão continuar como deputados, mas, se assumirem o cargo de vice-prefeito, terão que renunciar ao mandato parlamentar.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)