Cassilândia, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

10/08/2005 10:53

Câmara busca incentivo fiscal ao biodiesel

Fernanda Mathias e Malu Prado / Campo Grande News

Instalada esta manhã em solenidade no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, a Câmara Setorial do Biodiesel de Mato Grosso do Sul terá como primeiro passo a busca de incentivos fiscais. Foi o que disse o coordenador empossado na Câmara, Flávio Aristone, que é professor na UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul).
O secretário de Produção e Turismo, Dagoberto Nogueira Filho, diz que a questão já vem sendo discutida com o governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT e que pleiteia junto ao secretário de Receita e Controle incentivos de 80% a 90%, para indústrias que deverão estar chegando no Estado até o fim deste ano.
Aristone explicou que além da mamona existem outras matérias-primas estudadas para serem utilizadas no biodiesel, como a soja, girassol e a bocaiúva. A viabilidade do combustível, afirmou, vai depender de como ele será tributado.
Segundo o pesquisador, a Finep (Financiadora de Estudos e Projetos) já desenvolve estudos direcionados à técnica de craqueamento, que seria aplicada em comunidades carentes que estão isoladas no Pantanal e poderiam produzir o combustível para subsistência. O projeto deve começar a ser implantado na prática no fim deste ano. Aristone destaque que o que existe em Mato Grosso do Sul hoje são apenas pesquisas. A ANP (Agência Nacional de Petróleo) já autorizou cinco projetos de produção de biodiesel no País e avalia outros sete, cujos detalhes não são fornecidos.
Dagoberto afirma que a princípio a grande vantagem do biodiesel é a preservação do meio ambiente mas acredita que a medida em que a escala de produção for crescendo os custos também devem cair tornando o produto interessante do ponto de vista econômico.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 21 de Novembro de 2017
Segunda, 20 de Novembro de 2017
Domingo, 19 de Novembro de 2017
11:00
Mundo Fitness
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)