Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

Últimas Notícias

15/06/2019 01:00

Cai liminar que impedia venda de fábrica de fertilizantes da Petrobrás

Correio do Estado

 

O entrave que existia para a retomada do processo de venda da Unidade de Fertilizantes-III da Petrobras para a empresa estatal russa Acron chegou ao fim na sexta-feira (14). A 24ª Vara Federal do Rio de Janeiro revogou liminar que determinava a suspensão de 100% de sua participação acionária na Araucária Nitrogenados (Ansa) e na UFN3.

“Dessa forma, a Petrobras está retomando o processo competitivo para a venda dessas unidades, em consonância com a Sistemática para Desinvestimentos da companhia e alinhada ao regime especial de desinvestimento de ativos pelas sociedades de economia mista federais previsto no Decreto 9.188/2017”, informou a Petrobras em comunicado estatal divulgado na noite de sexta-feira.

Neste mês, a estatal brasileira já havia conseguido uma vitória no Judiciário: o Supremo Tribunal Federal liberou a venda de subsidiárias de estatais, como a Petrobras. A venda das unidades de fertilizantes no Paraná (já em operação) e em Mato Grosso do Sul (incompleta) é um negócio de aproximadamente R$ 8,2 bilhões. A obra da UFN3, em Três Lagoas, foi paralisada em 2015, com 83% da planta concluída.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Outubro de 2019
09:00
Santo do Dia
Sábado, 19 de Outubro de 2019
17:41
Cassilândia
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Sexta, 18 de Outubro de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)