Cassilândia, Segunda-feira, 28 de Maio de 2018

Últimas Notícias

13/07/2005 15:13

Cachoeira crê que propina era para o próprio Waldomiro

Fabiana Silvestre / Campo Grande News

Após informar que nunca teve contato com o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, o empresário do ramo de jogos eletrônicos Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, disse em depoimento à CPI dos Bingos, nesta quarta-feira, acreditar que o dinheiro recebido como propina pelo ex-assessor da Casa Civil Waldomiro Diniz ficava com ele próprio e não se destinava ao financiamento de campanhas de políticos.

Cachoeira afirmou ainda que pode revelar o nome da pessoa que realizou as gravações, no Aeroporto de Brasília, em que Diniz aparece cobrando propina. De acordo com Cachoeira, ao final de todas as conversas Waldomiro pedia R$ 200 mil ou mais de propina.

No início da oitiiva, o relator da CPI, senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), pediu a Cachoeira que suspendesse a leitura de texto que havia levado à CPI. A medida baseou-se no artigo 204 do Código de Processo Penal, que impede que depoente traga documento escrito e proceda a sua leitura perante uma comissão parlamentar de inquérito.

O empresário está sendo interrogado há mais de três horas. Entre os membros da comissão, está o senador sul-mato-grossense Juvêncio César da Fonseca (PDT).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)