Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/07/2008 10:33

Cacciola diz que está tranqüilo e confiante na Justiça

Thais Leitão /ABr

Rio de Janeiro - O ex-banqueiro Salvatore Cacciola disse na manhã de hoje (17), em entrevista na sede da Polícia Federal, no centro do Rio de Janeiro, que chega ao Brasil "tranqüilo" e confiante na Justiça. Cacciola fez questão de lembrar que dez outras pessoas condenadas no mesmo processo, por desvio de dinheiro público, estão livres e trabalhando.

"A única diferença é que eu estava na Itália", afirmou. Cacciola disse também que não estava foragido, uma vez que saiu do Brasil "oficialmente, com passaporte". "Só quando cheguei lá [na Itália], o ministro Velloso [Carlos Mário Velloso, então ministro do Supremo Tribunal Federal] anulou a decisão do ministro Marco Aurélio Mello [que havia concedido habeas corpus a Cacciola], aí eu resolvi não voltar mais", explicou.

Ele disse ainda que "foi um erro" ter ido ao Principado de Mônaco, passar um fim de semana de lazer, onde foi preso em setembro do ano passado. O ex-banqueiro tem nacionalidade italiana e não poderia ser extraditado de lá para o Brasil, graças a acordos diplomáticos.

Cacciola não quis dar conotação política à sua prisão. "Não sei se tem, estou à disposição da Justiça", afirmou. O ex-banqueiro desembarcou no início da manhã de hoje (17) no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, no Rio de Janeiro. Em seguida, foi levado para a Superintendência da Polícia Federal, na Praça Mauá, zona portuária do Rio, e está sendo encaminhado a uma unidade prisional do estado.

Salvatore Cacciola foi condenado à revelia no Brasil, em 2005, a 13 anos de prisão. Ele foi acusado de gestão fraudulenta e desvio de dinheiro público. Em 1999, com a desvalorização do Real, para evitar a falência do Banco Marka, o Banco Central socorreu a instituição em uma operação que gerou prejuízo de R$ 1,5 bilhão aos cofres da União.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)