Cassilândia, Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018

Últimas Notícias

06/07/2018 13:00

Brasileiros que vivem de forma leve sentem mais prazer em viver

Correio do Estado

 

Se todas as pessoas reagissem de forma explosiva a cada problema que tivessem, o mundo estaria ainda mais caótico. Buscar maneiras de levar uma vida mais leve parece ser a medida mais eficaz para manter a postura tranquila e superar contratempos.

A considerar uma pesquisa nacional feita no primeiro semestre deste ano pelo Ibope Conecta e pela Quanta Pesquisas e Estudos de Mercado, 97% dos brasileiros que fazem isso conseguem levar uma vida mais prazerosa. O número reflete as respostas de homens e mulheres, com mais de 18 anos, a questionário aplicado entre janeiro e fevereiro, pela internet.

E será que os efeitos colaterais da vida “pesada” – estresse, doenças e desgastes emocionais – têm se manifestado mais e alertado as pessoas sobre a nocividade de manter certos padrões de comportamento?

TRÊS PERFIS

Participantes voluntários que colaboraram com suas opiniões e depoimentos foram divididos em três diferentes perfis. O primeiro, chamado de grupo “Atitude Leve”, compõe 29% dos entrevistados. O segundo, “Controladores”, inclui aqueles que gostam de ter controle sobre vários aspectos da vida e que, apesar de ser menor do que o anterior, representa quase um quarto da população pesquisada. A terceira classificação de entrevistados não está em nenhum dos dois extremos e seu comportamento oscila entre uma atitude leve e controladora diante da vida.

Com o intuito de identificar qual postura é a mais presente na vida do brasileiro, o estudo mostrou aos participantes da pesquisa 38 situações do cotidiano e pediu para que eles respondessem como lidam ou lidariam com elas.

O estudo demonstrou que as pessoas que mantêm postura leve lidam com as adversidades do cotidiano com mais facilidade, em comparação àquelas que necessitam controlar o que acontece ao seu redor. No trânsito, por exemplo, 50% das pessoas do grupo “Atitude Leve” afirmam que tentam se distrair para enfrentar os engarrafamentos das cidades, enquanto apenas 29% dos que se mostraram controladores optam por essa alternativa. No trabalho, 33% das que estão no primeiro grupo dizem não se estressar, enquanto somente 15% do segundo grupo fazem essa mesma afirmação. Ainda no ambiente profissional, 45% do segmento que adota postura leve procura manter o alto-astral, mesmo quando têm que trabalhar até tarde, porém, apenas 16% dos “controladores” têm essa reação.

Notou-se, também, diferença com relação às posturas que afetam o estado emocional dos entrevistados. Aproximadamente 30% dos que têm perfil controlador ficam pessimistas com os problemas do dia a dia, contra apenas 3% do grupo “Atitude Leve”. Enquanto apenas 10% dos de postura leve sentem angústia com as notícias do dia a dia, esse número sobe para 30% entre os “Controladores”.

EXPERIÊNCIA

A aposentada Maria Izabel Luz, 63 anos, de Campo Grande, afirma que a experiência a ajudou a lidar com os problemas de um jeito melhor. Entender que era mais favorável se aproximar do que e de quem gostava, em vez de se isolar, foi a tática que a ajudou a resolver muitas questões. “Passei por alguns períodos de estresse e fui entendendo que era melhor ficar ao lado de quem gosta da gente, principalmente da família, para resolver”, conta.

O jornalista Antonio Negruny chegava a ficar tão ansioso quando estava diante de algo complicado, que o ritmo do coração mudava. “Comecei a desenvolver uma cardiopatia, que se manifesta especialmente quando eu lido com o estresse do cotidiano. Agora, estou adotando uma filosofia de lidar com os problemas ou desafios da vida com menos estresse e desvio de energia. Quero evitar rugas e problemas no coração”, conclui.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 17 de Dezembro de 2018
Domingo, 16 de Dezembro de 2018
14:22
Cassilândia - Paranaíba
10:00
Receita do dia
06:50
Dia de Sorte
Sábado, 15 de Dezembro de 2018
16:38
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)