Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

03/04/2004 13:15

Brasil vai ajudar Timor Leste no combate à aids

Artur Cavalcante / ABr

O Programa Nacional de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids (DST/Aids), do Ministério da Saúde, e a Pastoral da Aids, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), darão assistência à população do Timor Leste no combate ao HIV. A parceria foi firmada hoje no Ministério da Saúde. Na cerimônia, a CNBB lançou o livro Igreja e Aids: presença e resposta, da Pastoral da Aids.

No Timor Leste, 744 mil habitantes são católicos, o que corresponde a 93% da população. O país, que tem o português como língua oficial, é o mais novo integrante da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Depois de 23 anos de dominação pela Indonésia, a independência foi conquistada em 2002.

Pela deficiência do sistema de saúde, não se sabe ainda o grau de disseminação da aids entre os timorenses. Na Indonésia, país que faz fronteira com o Timor, 23.100 pessoas estão contaminadas, 0,01% da população. Uma equipe do Ministério da Saúde esteve no Timor Leste, no ano passado, para conhecer a realidade local no setor.

A nova parceria entre o Ministério da Saúde e a CNBB prevê uma viagem ao país, em agosto deste ano, de representantes das duas entidades. O valor e a origem dos recursos a serem utilizados no programa só serão definidos após a entrega de um diagnóstico pelos profissionais que farão essa visita.

Segundo o coordenador do programa de DST/Aids, Alexandre Grangeiro, medicamentos, assessoria técnica e estruturação de programas de prevenção serão disponibilizados ao governo do Timor. "Sem dúvida nenhuma, ainda não há uma epidemia importante instalada no Timor. É o momento de iniciar as ações para que se possa, de fato, prevenir e fazer com que o impacto da doença não seja muito grande", disse Grangeiro.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)