Cassilândia, Quinta-feira, 27 de Julho de 2017

Últimas Notícias

24/08/2004 08:08

Brasil disputa quatro medalhas de ouro

Comitê Olímpico Brasileiro

ATENAS - O Brasil encerrou esta segunda-feira, dia 23, em Atenas, com três medalhas garantidas nos Jogos Olímpicos, faltando apenas definir se serão de ouro ou de prata. O vôlei de praia classificou duas duplas, Adriana Behar/Shelda e Ricardo/Emanuel, para a final. Adriana e Shelda deram um "troco parcial" pela derrota na decisão dos Jogos de Sydney-2000 ao ganharem da australiana Nathalie Cook - que as venceu na disputa pelo ouro na Austrália, ao lado de Kerri Pottharst - e sua nova parceira, Nicole Sanderson, na semifinal desta segunda. Mais tarde, Ricardo e Emanuel tiveram de vencer os suíços Heuscher e Kobel em um tie-break tenso para assegurar sua vaga na decisão. A disputa feminina pelo primeiro lugar será nesta terça-feira, dia 24, às 21h, contra as americanas Walsh e May. Já o confronto dos homens está marcado para a quarta-feira, dia 25, contra os espanhóis Bosma e Herrera. Ricardo, que chegou à final em 2000 ao lado de Zé Marco e perdeu para os americanos Blanton e Fonoimoana, também terá mais uma chance de buscar o ouro, mas já garantiu a primeira medalha masculina do vôlei de praia brasilerio.

A outra disputa de ouro ficará a cargo do futebol, que derrotou a Suécia por 1 a 0 no Estádio Pampeloponnisiako, na cidade de Patras. Com este resultado, as brasileiras enfrentarão os Estados Unidos, quinta-feira, dia 25, em Atenas. O Brasil chega pela primeira vez à disputa da medalha de ouro na competição feminina. Em Atlanta-96 a equipe perdeu para a China (3 a 2) e, em Sydney-2000, foi derrotada pela Alemanha na semifinal, por 2 a 0. Nas duas oportunidades o Brasil perdeu a decisão do bronze. Agora, já garantiu sua primeira medalha na história dos Jogos Olímpicos.

Quem também disputará o ouro é o velejador Ricardo Winicki, o Bimba, que terminou o dia, após duas regatas, como o líder da classe mistral da vela, em Agios Kosmas. Restando apenas uma a ser disputada, a 11a., na quarta, ele precisa chegar em terceiro para garantir o primeiro lugar sem depender de resultados dos seus adversários. Faltando mais regatas para o fim da disputa (cinco), o barco brasileiro da classe star, tripulado por Torben Grael e Marcelo Ferreira, também lidera a classificação geral. Na 49er, André Fonseca e Rodrigo Duarte estão em sexto lugar, com uma regata realizada nesta segunda (a 12a de 16). Carolina Borges, da mistral, está em 25o, com 10 de 11 regatas disputadas, e Mauricio Santa Cruz e João Carlos Jordão, da tornado, ocupam a 17a posição, com 6 de 11 regatas.

Depois de garantir o melhor resultado da ginástica brasileira no individual por aparelho, chegando a uma final do solo e ficando entre as oito melhores, Daiane dos Santos, campeã mundial do aparelho, ficou em quinto na decisão desta segunda-feira. A brasileira cometeu alguns erros em sua apresentação, pisando fora da área delimitada para a exibição, o que lhe custou uma medalha.

César Castro garantiu classificação para as semifinais do trampolim de 3 metros, uma das modalidades dos saltos ornamentais, ao terminar em nono lugar a fase eliminatória no Centro Aquático. Os 18 melhores da disputa seguiram adiante na competição e serão definidos nesta terça-feira, dia 24. O canoísta Sebastián Cuattrin também se classificou para uma semifinal, no K1 1000m. Ele ficou em quinto em sua bateria na eliminatória disputada no Centro Olímpico de Remo e Canoagem, em Schinias.

Se a fase eliminatória do dueto tivesse terminado nesta segunda, as gêmeas Carolina e Isabela de Moraes estariam entre as 12 duplas classificadas para a final. Após a rotina técnica, realizada no Centro Aquático, as brasileiras terminaram na 12a posição, com 45.167 pontos. Exatamente 12 duetos passam à decisão.

Classificada para as quartas-de-final antecipadamente, a Seleção Brasileira feminina de handebol perdeu para a da China por 28 a 23 (13 a 11 no primeiro tempo), no Pavilhão de Esportes. Com o resultado, o Brasil terminou em quarto lugar no grupo A e enfrentará o primeiro da chave B - a Coréia do Sul, na quinta-feira.

Com a primeira posição do grupo garantida, o time masculino de vôlei do Brasil perdeu a invencibilidade nos Jogos, ao ser derrotado pelos Estados Unidos, por 3 a 1 (22/25, 23/25, 25/18 e 25/22), no Ginásio da Paz e Amizade. Os brasileiros vão enfrentar a Polônia pelas quartas-de-final, na quarta-feira.

No Estádio Olímpico, Lucimar Moura se classificou para a segunda eliminatória dos 200m rasos mas não conseguiu chegar à semifinal. Alessandra Picagevicz foi a 48a colocada na marcha atlética de 20km

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 26 de Julho de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 25 de Julho de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)