Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

25/01/2013 10:01

Bombeiros orientam banhistas e pedem atenção redobrada no período de férias

Notícias MS

O Corpo de Bombeiros alerta a população para ter cuidado ao entrar em lagoas, cachoeiras, piscinas e rios, principalmente neste período de férias. Em Campo Grande e adjacências, o Comando Metropolitano não registrou ocorrências neste início de ano. Já no mês de dezembro do ano passado foram dois afogamentos.

De acordo com o balanço, no ano passado o Corpo de Bombeiros registrou 13 acidentes em lagos e piscinas. Já em 2010 este número foi menor com 11 casos. No ano anterior (2009) os casos de afogamentos chegaram a 20.

Cuidados

Os locais considerados mais perigosos para banhos são os rios Taquari, na região de Coxim, o rio Aquidauana e o rio Paraguai, principalmente na região de Corumbá. Nestas áreas são mais frequentes as ocorrências de afogamento.

Em rios o risco é maior devido à força da correnteza e também pela profundidade. É desaconselhável nadar sozinho porque pode acontecer alguma cãibra ou cansaço que provoque perda de força e desta forma o afogamento.
A dica é que crianças entrem só em rios rasos e acompanhados de responsáveis maiores de idade e que saibam nadar. Os pequenos devem estar equipados com bóias ou flutuadores que garantam ainda mais a segurança.

Entre jovens e adultos os afogamentos são causados pela ingestão de remédios ou bebidas alcoólicas antes de nadar e ainda ter trauma principalmente batendo a cabeça em pedras ou objetos maciços por saltar de alguma elevação para dentro d’água. Excesso de confiança e exaustão de nadadores também podem levar ao risco de afogamentos. Brincadeiras como “caldos”, “trotes” ou “saltos” devem ser evitadas.

Para se divertir em piscinas sem grandes preocupações a dica dos bombeiros é que as pessoas utilizem apenas clubes com o certificado de vistoria regularizado e em dia. Outro cuidado a ser observado e está previsto na legislação é a presença de guarda-vidas para que possam fazer um pronto atendimento se necessário. A falta destes profissionais pode ser denunciada ao Corpo de Bombeiros. Eles farão uma visita ao local e constatando a irregularidade o estabelecimento será notificado e caso problema não for solucionado, o local poderá ser interditado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)