Cassilândia, Segunda-feira, 30 de Novembro de 2020

Últimas Notícias

29/10/2020 08:20

Bolsonaro revoga decreto que previa estudos para privatização do SUS

Presidente afirmou que revogou decreto nesta quarta-feira

Midiamax
Bolsonaro revoga decreto que previa estudos para privatização do SUS

O decreto federal que previa estudos para possíveis privatizações do SUS (Sistema Único de Saúde) foi revogado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), na tarde desta quarta-feira (28). O presidente falou sobre o assunto em postagem nas redes sociais.

Na postagem, Bolsonaro fala em decreto “já revogado”. Segundo a Secretaria-Geral da Presidência da República, a divulgação ocorreria ainda na quarta-feira.

No decreto, Bolsonaro autorizava o Ministério da Economia a realizar estudos sobre a inclusão das Unidades Básicas de Saúde (UBS) dentro do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República (PPI).

“Temos atualmente mais de 4.000 Unidades Básicas de Saúde (UBS) e 168 Unidades de Pronto Atendimento (UPA) inacabadas. Faltam recursos financeiros para conclusão das obras, aquisição de equipamentos e contratação de pessoal”, diz Bolsonaro na postagem.

“O espírito do Decreto 10.530, já revogado, visava o término dessas obras, bem como permitir aos usuários buscar a rede privada com despesas pagas pela União”, prossegue.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 30 de Novembro de 2020
08:20
Cassilândia
07:03
Cassilândia/Paranaiba/Inocência, Chapadão, Costa Rica, Aparecida
Domingo, 29 de Novembro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)