Cassilândia, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/06/2004 14:52

BC amplia mapeamento do mercado de crédito bancário

Stenio Ribeiro / ABbr

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, lançou hoje o novo Sistema de Informação de Crédito (SIC), que vai ampliar a atual operação da Central de Risco de Crédito, que cobre 8,6 milhões de clientes cadastrados, com vistas a aumentar a concorrência no sistema financeiro, oferecer mais crédito e, como resultado, reduzir o "spread" bancário (diferença entre a taxa que os bancos pagam na captação e o que cobram dos tomadores de empréstimos) .

O objetivo do novo programa, tecnologicamente mais atualizado, que entrará em operação efetiva amanhã, é ampliar a capacidade do sistema, com dados mais detalhados, aumento de eficiência, capacitação e maior transparência. Com isso, o cliente "terá mais poder de barganha na negociação por melhores taxas e condições", de acordo com Meirelles.

Ele disse que, além de o Sistema de Informação de Crédito permitir melhor controle do BC sobre o sistema financeiro, também vai oferecer informações mais rápidas e seguras sobre a capacidade de pagamento dos clientes que autorizarem a consulta, conforme já demonstrou o SIC em sua fase de testes.

O presidente do BC lembrou que o sistema também dará mais segurança aos clientes na medida em que a autoridade monetária poderá antever, com maior precisão, possíveis quebras de instituições financeiras e proteger os depositantes. Isso reduz a possibilidade de falências bancárias, com surpresas desagradáveis para seus depositantes.

Meirelles reafirmou que "oportunidades, regulação, competição e transparência são requisitos essenciais para assegurar a eficiência de qualquer setor em uma economia moderna". O sistema financeiro não pode, segundo ele, ser exceção à regra, uma vez que nas sociedades abertas, com alta integração econômica, não há lugar para "caixas pretas".

Ele afirmou que o SIC contribuirá "de forma relevante" para as instituições financeiras melhorarem a gestão de suas carteiras, porque vai disponibilizar informações que permitirão conhecer melhor o perfil dos tomadores de crédito. Isso é condição fundamental, acrescentou, para a expansão da oferta de crédito e conseqüente redução dos "spreads".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)