Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/06/2004 15:06

BB prorroga prazo para pagamento da dívida agrícola

Dourados News

A direção do Banco do Brasil concordou em prorrogar por cinco anos os débitos dos produtores de soja de todo o País que tenham sofrido frustração de safra em conseqüência do ataque da ferrugem asiática ou de adversidades climáticas. A alternativa é prevista no manual do crédito rural e pode beneficiar 17% dos produtores que tiveram prejuízos com a quebra da safra de soja em Mato Grosso do Sul na safra 2003/2004.

A medida foi acertada na quarta-feira passada, numa reunião entre a diretoria de Crédito Rural do Banco do Brasil, Comissão de Grãos e Oleaginosas da Confederação Nacional da Agricultura (CNA). O gerente de Agronegócios da Superintendência Estadual do banco, Carlos Werner, disse que com a concretização da quebra da safra, de 20% a 22% dos 4,5 mil contratos seriam prorrogados, mas o percentual foi reduzido para previsão de 17%. A estimativa é equivalente a 765 sojicultores no Estado.

Werner explicou que a queda do percentual considerado é decorrente do pagamento que está sendo promovido pelos produtores rurais, beneficiados pelas negociações positivas da soja no mercado. A perspectiva negativa era consequência da quebra de 36% da safra, fechada em 3,2 milhões de toneladas de grãos. Em Mato Grosso do Sul, foram financiados R$ 480 milhões, média de R$ 100 mil contratos negociados entre BB e produtores rurais.

Além do prolongamento já previsto anteriormente de cinco meses, com pagamento da primeira parcela no dia 15 de junho, a decisão do BB permitiu o uso de outra alternativa, que é a prorrogação de até cinco anos do prazo de pagamento do débito rural. Após dois anos, o valor, que tinha impacto no limite de custeio passa vigorar no limite de investimento.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)