Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

25/09/2016 07:00

Barbearia vintage é a mais nova aposta para o público masculino

Dino.com.br

Entre as décadas de 1930 e 1940 o desenvolvimento do setor industrial no Brasil estava sendo encorajado e os imigrantes desembarcavam no país. Na grande metrópole, São Paulo, muitas eram as oportunidades de mercado a serem exploradas e, se aproveitando disso, os italianos, que traziam os ideais estéticos da Europa, inauguraram boa parte das barbearias da época.

A aparência ditava regra sobre a classe social, diferenciando empresários de trabalhadores da indústria, assim as barbearias caíram no gosto dos homens da época. Porém, mesmo sendo reduto do público masculino neste período, as barbearias foram sendo deixadas de lado nas últimas décadas e perdendo espaço para os salões unissex.

Barbearias voltam ao circuito

Nos últimos anos as barbearias voltaram a fazer parte do gosto masculino. Agora, um serviço simples não chama mais a atenção. Vaidosos, os homens começaram a trocar aquele salão unissex do bairro por uma barbearia com serviços diferenciados. Unindo o vintage ao moderno, as novas barbearias aliam o trio costumeiro, “barba, cabelo e bigode”, a cervejas e músicas de qualidade, dando espaço também a um bate-papo descontraído com os amigos.

O desenvolvedor desktop, Ricardo Caldas, 26, faz parte do público que migrou do salão para a barbearia. Ele conta que dividir o espaço com as mulheres não o incomodava, no entanto, o cheiro dos produtos era desagradável. Na contramão disso, visitou uma barbearia e gostou, “fui lá, cortei o cabelo, fiz a barba, ri e tomei cerveja. Foi legal”, afirma.

Negligenciado pela indústria da moda por muitos anos, o público masculino a cada dia se mostra uma fatia importante deste mercado consumidor. É o que prova uma pesquisa divulgada em 2015 pela Euromonitor Internacional, a qual aponta o Brasil como segundo maior consumidor mundial de cosméticos masculinos, índice menor apenas que o dos Estados Unidos. Em 2014, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), também mostrou que nas terras tupiniquins, o segmento de beleza fatura R$ 15,4 bilhões, dos quais 35% são produtos para homens, ficando atrás somente dos EUA e Japão.

Barbearia em Salvador

Lugar propício para um happy hour com os amigos ou até mesmo uma reunião de negócios, este novo conceito de barbearia cresce à medida que o público masculino demonstra interesse. Em Salvador não é diferente, na Pituba, recentemente foi inaugurada uma barbearia inovadora, a La Firma.

Raphael Schleier, proprietário da barbearia, conta que fez muitas pesquisas antes de decidir por qual caminho seguir. Ainda segundo ele, a ideia da barbearia surgiu após uma viagem à Europa, quando o conceito chamou sua atenção. “Fui pesquisar no Brasil, já estava tendo esse movimento das barbearias. Já estava explodindo no Sul e Sudeste do país e a gente teve a ideia de fazer uma barbearia aqui”, afirma.

Apresentando um conceito singular no país, a Barbearia La Firma mistura bancadas de madeira com a tubulação exposta, aliando o conceito rústico ao industrial.
Antes empresário do mercado industrial, Schleier percebeu que precisava diversificar o seu negócio e encontrar um ramo em que se sentisse confortável. “Eu sempre gostei de trabalhar com o público, uma coisa mais próxima das pessoas. A indústria meio que afasta você. A gente lida muito com equipamento e eu sempre gostei de atender as pessoas”, frisa.

De acordo com Raphael, a La firma é um local onde o cliente se sente confortável, um momento de descontração entre amigos, cortar o cabelo e fazer a barba atingiram um novo conceito. “Vir a barbearia La Firma será um momento de prazer e não uma obrigação”, conclui.

Serviço

A Barbearia La Firma está localizada na Av. Manoel Dias da Silva, Pituba, Salvador, BA e funciona de segunda a sexta, de 9h às 20h, e sábado, de 9h às 18h. O agendamento pode ser feito pelo site: http://barbearialafirma.com.br/.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)