Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

16/09/2004 08:35

Bancários decidem manter greve em São Paulo

Mylena Fiori/ABr

Mais de 2.600 bancários de São Paulo e da região de Osasco reavaliarão hoje à tarde a greve iniciada ontem. Em assembléia realizada na tarde de ontem, eles rejeitaram a proposta de reajuste salarial apresentada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e decidiram manter a paralisação.

Os bancários reivindicam reposição da inflação mais aumento real de 17,68% e participação nos lucros e resultados de um salário mais R$ 1.200. Os banqueiros oferecem reajuste salarial de 8,5% mais R$ 30 para quem ganha salários até R$ 1.500 – o que representa reajuste de até 12,77% e aumento real de 5,75%. Para os que ganham acima de R$ 1.500, o reajuste sugerido é de 8,5%, estendido aos vales alimentação e refeição, e ao auxílio-creche. A proposta, rejeitada, prevê participação nos lucros e resultados de 80% do salário mais R$ 705, além de pagamento de vale-alimentação extra de R$ 217. Os bancários aguardam uma contraproposta da Fenaban.

Ontem, cerca de 15 mil trabalhadores aderiram à greve e paralisaram 184 agências da capital e 20 na região de Osasco. A expectativa do sindicato dos bancários é de que hoje o movimento cresça. “Como o movimento está no início, e nos grandes centros, ainda não há serviços interrompidos e as pessoas têm opção de procurar outros locais para pagar suas contas”, afirmou o presidente do sindicato, Luiz Cláudio Marcolino. “Não queremos, de forma alguma, penalizar os cidadãos, já tão explorados pelos mesmos banqueiros que nos exploram. Mas se a greve prosseguir e for ampliada, o pagamento de contas e outros serviços só poderá ser realizado ao final do movimento”, alerta.

O Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região representa 106 mil bancários que atuam em cerca de 4 mil locais de trabalho.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)