Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

21/01/2016 07:20

Balanço da Polícia mostra que em 2015 apreensão de drogas superou 276 toneladas

Campo Grande News

As Policiais Civil e Militar de Mato Grosso do Sul apreenderam em 2015, mais de 276 toneladas de drogas, batendo o próprio recorde de apreensões que foi de pouco mais de 228 toneladas em 2014.

Dados da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) apontam que nos últimos cinco anos as apreensões de drogas cresceram 426,2%, saltando de 52,6 mil quilos em 2010 para 276,8 toneladas em 2015, graças à intensificação do trabalho preventivo e repressivo realizado pelas polícias em todos os municípios, especialmente na faixa de fronteira.

Em Campo Grande as apreensões de drogas passaram de 6,3 toneladas em 2010 para 28,5 mil quilos no ano passado. O recorde de apreensões na capital foi em 2013, quando as polícias tiraram de circulação 54,8 toneladas de drogas. Para o comandante da Polícia Militar Rodoviária, coronel Waldir Acosta Ribeiro, o trabalho nas estradas está impedindo que as drogas cheguem às cidades.

“A inteligência aliada a técnicas apuradas de patrulha permitem a identificação dos veículos de transporte e a apreensão das cargas antes que elas cheguem às cidades, não só de Mato Grosso do Sul, mas de todo o país freando e descapitalizando o tráfico”, explica o comandante da Polícia Militar Rodoviária que só no ano passado apreendeu 77 toneladas de drogas nas estradas do Estado.

Aliadas ao trabalho policial estão também as novas tecnologias, como aplicativos que permitem consultas de veículos em qualquer lugar e até que identificam documentos falsos com apenas um clique. Essas são algumas das ferramentas utilizadas pelos homens do DOF, que no ano passado foram responsáveis pela apreensão de 46 toneladas de drogas. “O Departamento também recebeu muitos investimentos em equipamentos e capacitações dos nossos policiais”, destaca o coronel Ary Carlos Barbosa, que comanda o DOF.

As ações de policiamento de recobrimento do DOF são planejadas com base no trabalho de inteligência e também nas informações recebidas pelo telefone 0800-647-6300, número do disque denúncia do Departamento que desde que foi criado já recebeu mais de 300 mil ligações, sendo que a grande maioria resultou em apreensões de drogas, armas e contrabando.

De 2014 para 2015 houve um crescimento expressivo nas apreensões de drogas feitas pela Especializada da Polícia Civil. A quantidade de cocaína tirada de circulação pela unidade especializada da Polícia Civil saltou de 46,9 em 2014 para 117,8 quilos em 2015. Já as apreensões de maconha passaram de 2,9 toneladas em 2014 para 3,3 mil quilos em 2015

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)