Cassilândia, Sábado, 19 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

23/06/2003 14:51

Baixo poder aquisitivo beneficia venda de frango

Fabiane Sato

A redução do poder de compra do brasileiro já mexe com o consumo interno. O frango, que chega a ser até 80% mais barato que a carne bovina, pode ter um aumento no consumo. Conforme a assessora de economia da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Adriana Mascarenhas, apesar do aumento do preço do quilo do frango (28%) ser maior que o da carne bovina (22%), de maio de 2002 a maio de 2003, ainda é, em média 72%, mais barato.
Comparando o preço da peça mais nobre de cada animal, o percentual sobe de 72% para 80%. "O quilo do file mignon custa R$ 13,32, enquanto o do peito de frango, R$ 7,53, um valor que faz diferença no prato do campograndense", conclui a economista.
A assessora acrescenta que a produção de frango deve aumentar devido ao clima favorável e a tendência de baixa de preço no milho. "O valor pago pelo frango ao produtor não pode cair, geralmente ele já trabalha com o limite do custo de produção", comentou Adriana Mascarenhas.
Produção no Brasil
Pelas projeções da APINCO, em maio último foram produzidas no Brasil 659.959 toneladas de carne de frango, volume 4,83% e 5,70% superior ao produzido, respectivamente, em maio de 2002 e em abril de 2003. Essa é também, até aqui, a maior produção de 2003 e a segunda maior produção da história do setor, só superada pelas 677,7 mil toneladas de dezembro de 2002.
Uma vez que a carne de frango produzida no decorrer do mês de maio teve por origem pintos produzidos entre a segunda quinzena de março e a primeira quinzena de abril, aproximadamente, e levando em conta, ainda, que a produção de pintos do bimestre março/abril (considerado o volume médio diário) foi a menor dos últimos seis bimestres, era esperada, para maio último, queda proporcional na produção de carne de frango ou, pelo menos, volume inferior ao dos dois meses anteriores, o que não ocorreu. Com informações da Avisite

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 19 de Setembro de 2020
Sexta, 18 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
06:40
Libertadores da América
Quinta, 17 de Setembro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)