Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/01/2007 08:52

Aventureiro que quer entrar para o Guiness passa em MS

Jorge Almoas
Jorge AlmoasJorge Almoas

Cada pessoa tem um objetivo na vida. Seja crescer profissionalmente, ganhar dinheiro, ter filhos, casar, ter um curso superior, todo mundo sabe aquilo que quer e luta para conquistar esse sonho. Para o mineiro Eber de Souza, a meta é um tanto audaciosa: ele pretende entrar para o Guiness Book, o Livro dos Recordes, como a pessoa que mais visitou cidades na América do Sul, incluindo o Brasil e os países vizinhos.

Essa aventura começou em 1994, quando Eber saiu de sua cidade natal, Juiz de Fora, e começou a percorrer as estradas do País. Antes disso, ele já trilhava a Trilha do Ouro e a Estrada Real, que saía de Minas Gerais e passava por diversos estados brasileiros até o Rio de Janeiro, onde a produção de ouro nos séculos XVII e XVIII era escoada para o mundo. A vontade de empreender essa viagem teve início em 1985, quando Eber acompanhava os livros anuais com os recordes mais peculiares do mundo.


"Eu via o cara que ficou mais tempo em uma perna só, a mulher com o cabelo mais comprido, o homem que ficou pedalando por mais tempo. E desde aquele tempo eu já acompanhava a biografia dos grandes navegadores da época da Expansão Marítima, como Cristóvão Colombo, Vasco da Gama e Pedro Álvares Cabral. Me encantava saber as histórias, as aventuras desses homens que se lançavam nos oceanos em busca de novas terras. E eu decidi me lançar no Oceano Brasil e também na América do Sul, para conhecer o maior número possível de cidades", conta entusiasmado Eber..


Desde 1994, já foram visitados 6500 municípios, aproximadamente. Neste fim de semana, Eber chegou ao município de Nioaque, no sudoeste de Mato Grosso do Sul, a 177 quilômetros da capital Campo Grande. Recepcionado pela secretária de Desenvolvimento Econômico e Social, Vânia José Trelha Jaques de Carvalho, o aventureiro da bicicleta ressalta que só continua nesses 12 anos de aventura graças ao apoio recebido.


"Quero agradecer e parabenizar a receptividade que a Prefeitura Municipal de Nioaque teve comigo. Foram muito calorosos, agradáveis e simpáticos, entendendo que minha proposta não é algo vago, é uma idéia séria que une esporte, cultura – pois procuro saber a história de cada um dos municípios que passo – e o turismo".


Para Eber, a parte mais prazerosa da viagem é a sensação de liberdade e o conhecimento de mundo adquirido pelas "rodadas" – ele estima que já percorreu 26.400 quilômetros. "Não há nada que pague essa aventura. Escolhi a bicicleta pelo custo mais barato da viagem e para sentir a aventura mais de perto".

Em Nioaque, Eber destaca a hospitalidade das pessoas e a calma encontrada no municipio. "Como toda cidade do interior, Nioaque é tranqüila, serena e convida a gente para sentar e conversar e provar do tereré, essa bebida um pouco amarga no começo, mas que conquista quem a prova", diverte-se ele.


O aventureiro pretende completar o percurso, totalizando 8.000 cidades em 2008. após isso, ele pretende voltar a Juiz de Fora e compartilhar suas experiências com outras pessoas, através de livros e palestras. De todos os lugares visitados no Brasil e fora dele, Eber afirma que Fortaleza, capital do Ceará, é uma das mais bonitas e a pequena São Tomé das Letras, em Minas Gerais, uma das que mais o emociona.


"São Tomé dos Letras foi um santo que fez um dicionário em pedras, fazendo carimbos de letras nas rochas e ensinou muitas crianças a ler. Isso me emociona muito. Outra coisa que marcou demais essas viagens foi um parto na BR-116, no Vale do Jequitinhonha. Não há dinheiro que pague a bagagem de vida que eu acumulei. De Nioaque, levo a tranqüilidade e o calor humano recebido aqui. Muito obrigado", agradece o aventureiro, que partiu para Dourados na tarde desta segunda-feira (22).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)