Cassilândia, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

20/04/2012 08:54

Autoridades do Peru investigam morte de 877 golfinhos

Agência Brasil/ Renata Giraldi*

Brasília – O governo do Peru vai investigar a causa da morte de mais de 800 golfinhos no Norte do país. O vice-ministro de Desenvolvimento Estratégico de Recursos Naturais do Ministério do Meio Ambiente, Gabriel Acosta Quijandría, disse que há suspeitas de que os animais tenham sido atingidos por vírus.

Ele informou que estão sendo feitos testes para a verificação da presença dos vírus Morbillivirus e Brucella, que podem ter sido os principais causadores da morte dos animais. A expectativa, de acordo com Quijandría, é que as investigações sejam concluídas em cerca de duas semanas.

De acordo com o ministro, houve mortes de golfinhos também no México e nos Estados Unidos. No caso do Peru, foram encontrados 877 golfinhos mortos, em uma faixa de 220 quilômetros da região de Punta Aguja. Segundo ele, 80% dos animais estavam em “adiantado estado de decomposição”.

Os trabalhos de investigação sobre a morte dos golfinhos são feitos pelo Instituto do Mar e o Serviço Nacional de Áreas Protegidas pelo Estado, além do Ministério do Meio Ambiente. Quijandría observou que estudos feitos já descobriram que os golfinhos não foram mortos pela ação de pescadores.

*Com informações da agência pública de notícias do Peru, Andina//Edição: Graça Adjuto

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)